SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue1Quality of life of public school science teachers in Rio Grande do Sul, BrazilA new look on the preparation of teaching materials for health education author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Trabalho, Educação e Saúde

On-line version ISSN 1981-7746

Abstract

MARQUES, Maria João Fernandes; TEIXEIRA, Helena Jorge Cardoso  and  SOUZA, Dayse Cristine Dantas Brito Neri de. Cuidadoras informais de Portugal: vivências do cuidar de idosos. Trab. educ. saúde [online]. 2012, vol.10, n.1, pp. 147-159. ISSN 1981-7746.  http://dx.doi.org/10.1590/S1981-77462012000100009.

O cuidador informal surge da necessidade de se cuidar dos doentes e idosos no domicílio, com a função de auxiliar nas medicações, higiene e alimentação sem remuneração. Esse tipo de auxílio suscita sobrecarga física, psicológica e financeira. No âmbito da qualidade do cuidar, salienta-se a necessidade de se olhar e ajudar os cuidadores informais no árduo apoio aos seus doentes, que, na maioria, são idosos. O objetivo deste artigo é apresentar as percepções vivenciadas pelas cuidadoras informais, bem como o reconhecimento, por elas próprias, das sobrecargas que as afetam holisticamente - emocionais, físicas, financeiras -, e a importância de desenvolver estratégias de coping na formação sobre como melhor cuidar. As entrevistadas residem nas regiões Norte e Centro de Portugal e responderam ao inquérito adaptado do The Zarit Burden Interview. As entrevistas foram analisadas com o apoio do software NVivo 8. Os dados obtidos indicam que as cuidadoras informais enfrentam mais sobrecargas físicas e emocionais do que financeiras. No entanto, salientaram que, apesar das dificuldades, gostam de cuidar dos seus familiares. Quanto a serem convidadas para participarem de formações sobre como melhor cuidar, algumas confirmaram o interesse. Verificase que as cuidadoras informais são carentes de uma formação que as capacite a melhor cuidar prevenindo consequências danosas.

Keywords : cuidadoras informais; idosos; dependentes; domicílio; vivências.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese