SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.65 issue2Violence against women: caracteristics of head and neck injuriesSpatial distribuition of tooth loss in a population of adults author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


RGO - Revista Gaúcha de Odontologia

Print version ISSN 1981-8637On-line version ISSN 1981-8637

Abstract

GARBIN, Artênio José Isper; WAKAYAMA, Bruno; ROVIDA, Tânia Adas Saliba  and  GARBIN, Cléa Adas Saliba. Reabilitação neuroclusal e pistas diretas de planas na correção da mordida cruzada posterior. RGO, Rev. Gaúch. Odontol. [online]. 2017, vol.65, n.2, pp.109-114. ISSN 1981-8637.  http://dx.doi.org/10.1590/1981-863720170002000023046.

Objetivo:

Avaliar a eficácia do tratamento da reabilitação neuroclusal com as Pistas Diretas Planas na correção das mordidas cruzadas posteriores.

Métodos:

Trata-se de um estudo clínico no qual foram selecionadas 43 crianças, de ambos os sexos, entre 3 e 6 anos de idade, diagnosticadas com mordida cruzada posterior funcional e desvio de linha média. Foram realizadas entrevistas com os responsáveis dos participantes, para averiguar a prática de hábitos deletérios. O tratamento baseou-se na reabilitação neuroclusal, no intuito de investigar e eliminar os empecilhos oclusais que depreciam o sistema estomatognático, e assim, reprogramar a atividade neuromuscular afetada. Foram confeccionadas as Pistas Diretas de Planas nos dentes cruzados, a fim de reestrutura os estímulos neuroclusais e o sistema estomatognático. Na análise estatística, utilizou-se o software Epi Info software, versão 3.5.4 for Windows, por meio da distribuição das frequências e o Teste do Qui-quadrado de Pearson.

Resultados:

Houve o restabelecimento oclusal em 79% das crianças, visto que 21% abandonaram o tratamento. O período de correção da mordida cruzada e linha média compreenderam-se ao 14° ao 91° de tratamento. Foram observadas associações significativas das variáveis: hábitos deletérios (p=0.0001) e desvio de linha média (p=0.0001) no início e final do tratamento.

Conclusão:

Conclui-se que a reabilitação neuroclusal e as Pistas Direta de Planas foram eficazes na correção das mordidas cruzadas posteriores.

Keywords : Má oclusão; Ajuste oclusal; Ortodontia..

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )