SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.65 issue2Neuroclusal rehabilitation and planas direct tracks in the posterior crossbite treatmentEvaluation of Enterococcus faecalis, Staphylococcus warneri and Staphylococcus aureus species in adults with generalized chronic periodontitis author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


RGO - Revista Gaúcha de Odontologia

Print version ISSN 1981-8637On-line version ISSN 1981-8637

Abstract

SILVA-JUNIOR, Manoelito Ferreira; FONSECA, Emílio Prado; BATISTA, Marília Jesus  and  SOUSA, Maria da Luz Rosário de. Distribuição espacial das perdas dentárias em uma população de adultos. RGO, Rev. Gaúch. Odontol. [online]. 2017, vol.65, n.2, pp.115-120. ISSN 1981-8637.  http://dx.doi.org/10.1590/1981-863720170002000033065.

Introdução:

Embora haja uma melhoria na condição de saúde bucal da população, as perdas dentárias ainda constituem um agravo à saúde bucal de adultos e é um assunto de grande relevância para Odontologia.

Objetivo:

Verificar a distribuição espacial das perdas dentárias em adultos e correlacionar com o Índice de Exclusão Social e a proximidade de serviço odontológico público.

Material e Método:

Este estudo ecológico utilizou-se de dados de um levantamento epidemiológico de adultos no município de Piracicaba e do Instituto de Pesquisa e Planejamento de Piracicaba (IPPLAP). Os dados sobre as perdas dentárias foram extraídos do levantamento epidemiológico de Piracicaba, que trata-se de um estudo transversal com amostragem probabilística de 248 adultos com idade entre 20 e 64 anos, representativos dos adultos residentes em Piracicaba-SP, Brasil. Os exames bucais do índice CPO-D seguiram os códigos e critérios da Organização Mundial da Saúde e foram realizados em domicílios por um único examinador calibrado para esta finalidade. Os dados sobre a exclusão social e unidades de saúde com serviço odontológico do município foram extraídos do IPPLAP. Foi realizado o georreferenciamento dos setores censitários sorteados e as unidades de saúde com serviço odontológico do município. Para análise de correlação de Spearman (p<0,05), utilizou-se a média de dentes perdidos por bairro, o Índice de Exclusão Social (IEX) e a proximidade de serviço odontológico público categorizados em raio de: <500m, entre 500-1000m e >1000m do setor censitário.

Resultado:

Houve correlação entre a perda dentária e o maior IEX, sendo r = -0,51 (p=0,01), mas não houve correlação com a proximidade de serviço odontológico público (p=0,42).

Conclusão:

A perda dentária em adultos distribuiu-se de acordo com a exclusão social, no entanto, sem relação com a proximidade do serviço público odontológico.

Keywords : Adultos; Perda de Dente; Saúde Bucal; Sistemas de Informação Geográfica; Epidemiologia.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )