SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número31Entre agora e outrora: a escrita da história no cinema de Eduardo CoutinhoO idadismo como viés cultural: refletindo sobre a produção de sentidos para a velhice em nossos dias índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Galáxia (São Paulo)

versão impressa ISSN 1519-311Xversão On-line ISSN 1982-2553

Resumo

LELO, Thales Vilela. Faces do comum na comunicação: da partilha à disjunção. Galáxia (São Paulo) [online]. 2016, n.31, pp.66-78. ISSN 1519-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/1982-25542016122028.

Uma definição recorrente de comunicação invoca a raiz etimológica do termo, que, de procedência no latim, designa uma atividade realizada conjuntamente, proveniente de uma situação de encontro social. Esse sentido originário da palavra se difundiu em uma parcela significativa dos estudos da área, indicando que a comunicação seria produto de uma ação em comum. Nesse artigo, as implicações dessa forma de apreensão das práticas interacionais serão contrastadas com outra maneira de perceber a partilha inerente à comunicação, acionada através de uma fonte etimológica distinta, ligada à disjunção e aos riscos e entraves que permeiam os processos de coordenação conjunta de ações. Argumenta-se que essa abordagem pode enriquecer uma visada crítica no âmbito dos estudos em Comunicação.

Palavras-chave : modelos comunicacionais; mundo comum; partilha; dissenso.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )