SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número31Remitologização contemporânea: a (re)conciliação da ciência e da magia em “Guerra nas Estrelas”Invisibilidade, superficialidade e plasticidade: três hipóteses sobre as câmeras inteligentes índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Galáxia (São Paulo)

versão impressa ISSN 1519-311Xversão On-line ISSN 1982-2553

Resumo

FONTANARI, Rodrigo. Como ler imagens? A lição de Roland Barthes. Galáxia (São Paulo) [online]. 2016, n.31, pp.144-155. ISSN 1519-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/1982-2554201612239.

Este artigo visa aproximar o conceito de mito, como definido por Roland Barthes em sua obra Mitologias, da noção de studiumestabelecida em seu outro livro, A câmara clara, uma vez que essa noção barthesiana acena com a possibilidade de compreensão a partir de uma espécie de remanejamento daquele conceito de mito para o campo do fotográfico. Trabalhamos com a hipótese de que esses operadores barthesianos podem ainda ser úteis para pensar as imagens na contemporaneidade dos estudos de visualidade.

Palavras-chave : imagem; studium; mito; punctum; fotografia; Roland Barthes.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )