SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número31Como ler imagens? A lição de Roland BarthesAlejandra Pizarnik e a Condessa Sangrenta: uma análise do simbólico nas ilustrações góticas de Santiago Caruso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Galáxia (São Paulo)

versão impressa ISSN 1519-311Xversão On-line ISSN 1982-2553

Resumo

VIDAL JUNIOR, Icaro Ferraz. Invisibilidade, superficialidade e plasticidade: três hipóteses sobre as câmeras inteligentes. Galáxia (São Paulo) [online]. 2016, n.31, pp.156-167. ISSN 1519-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/1982-25542016124270.

O presente artigo propõe três hipóteses concernentes às câmeras inteligentes: 1) que há uma tendência dos diagramas que se inscrevem algoritmicamente na superfície da imagem a se invisibilizarem; 2) que a ênfase na superficialidade das condutas vincula-se ao deslocamento para superfície dos corpos do locus privilegiado de subjetivação a partir da segunda metade do século XX e a uma ênfase contemporânea na ação; 3) que o caráter preditivo e antecipador dos dispositivos inteligentes de visibilidade é um sinalizador importante de uma crise contemporânea aqui formulada como uma crise da plasticidade e do hábito.

Palavras-chave : câmeras inteligentes; tecnologias digitais; plasticidade.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )