SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue1Young people's conception of HIV/AIDS and the use of condoms in sexual intercourseOccupational stressors among nurses working in urgent and emergency care units author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Gaúcha de Enfermagem

On-line version ISSN 1983-1447

Abstract

OLIVEIRA, Roberta Juliane Tono de et al. Condições intervenientes à governança da prática de enfermagem no centro obstétrico. Rev. Gaúcha Enferm. [online]. 2014, vol.35, n.1, pp.47-54. ISSN 1983-1447.  http://dx.doi.org/10.1590/1983-1447.2014.01.43125.

A governança relaciona-se aos processos que conferem aos enfermeiros autonomia, controle e autoridade sobre a prática de enfermagem. Este estudo objetivou identificar as condições intervenientes à governança da prática de enfermagem no centro obstétrico. Pesquisa qualitativa que utilizou como referencial metodológico a Teoria Fundamentada nos Dados. A coleta de dados ocorreu entre janeiro e maio de 2013, por meio de entrevistas semiestruturadas com 27 participantes de um Hospital Universitário do sul do Brasil, divididos em quatro grupos amostrais. A análise dos dados foi realizada mediante codificação aberta, axial e seletiva. A governança é potencializada pela experiência e autonomia profissional, articulação da dimensão assistencial e gerencial, comunicação interpessoal, satisfação e envolvimento com a profissão. E é limitada pela dificuldade de relacionamento interpessoal, sobrecarga de trabalho e estrutura física precária dos setores da Maternidade. O estudo oferece subsídios para a discussão sobre a melhoria do cuidado e da satisfação profissional entre enfermeiros e equipe de enfermagem.

Keywords : Gerência; Enfermagem obstétrica; Governança clínica; Gestão em saúde.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )