SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39Percepção de familiares e cuidadores quanto à segurança do paciente em unidades de internação pediátricaFatores que contribuem para o diagnóstico de enfermagem risco para a síndrome do idoso frágil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Gaúcha de Enfermagem

versão On-line ISSN 1983-1447

Resumo

COSTA, Iluska Pinto da et al. Qualidade de vida de idosos e sua relação com o trabalho. Rev. Gaúcha Enferm. [online]. 2018, vol.39, e2017-0213.  Epub 03-Set-2018. ISSN 1983-1447.  http://dx.doi.org/10.1590/1983-1447.2018.2017-0213.

OBJETIVO

Avaliar a qualidade de vida entre idosos que trabalham e não trabalham.

MÉTODO

Trata-se de um estudo descritivo, de corte transversal e abordagem quantitativa com 113 idosos, no período de junho a setembro de 2014, em um grupo de convivência no município de Cajazeiras - PB, utilizando-se os questionários sociodemográficos, o WHOQOL-BREF e WHOQOL-OLD. Os dados foram analisados mediante estatística descritiva e testes T de Student e Mann-Whitney.

RESULTADOS

A partir da análise observou-se que os idosos que trabalham apresentaram maiores escores médios na maioria dos domínios do WHOQOL-BREF e facetas do WHOQOL-OLD, evidenciando-se o domínio Psicológico (70,0) e a faceta Habilidades Sensoriais (72,5). O domínio físico apresentou diferença estatisticamente significante (p=0,046) entre os dois grupos.

CONCLUSÃO

O estudo demonstrou que o trabalho é um fator importante para a qualidade de vida do idoso.

Palavras-chave : Idoso; Envelhecimento; Trabalho; Qualidade de vida.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )