SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue3In-house validation of a method for determining aflatoxins B1, B2, G1 and G2 in wheat and wheat by-productsSomatic embryogenesis in Agave sisalana Perrine: induction, characterization and anatomical regeneration author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Pesquisa Agropecuária Tropical

On-line version ISSN 1983-4063

Abstract

DE-MELO, Adriane Alexandre Machado et al. Capacidade antioxidante da própolis. Pesqui. Agropecu. Trop. [online]. 2014, vol.44, n.3, pp.341-348. ISSN 1983-4063.  https://doi.org/10.1590/S1983-40632014000300004.

A própolis é uma substância resinosa coletada de diversas partes das plantas por abelhas e misturada à cera, pólen e secreções salivares. Sua composição é complexa e está relacionada, principalmente, às características da vegetação de cada região. Trinta e três amostras de própolis foram coletadas em quatro regiões brasileiras (Nordeste, Sudeste, Sul e Centro-Oeste) e analisadas quanto à sua capacidade antioxidante, pela oxidação acoplada do sistema β-caroteno/ácido linoleico. Variação significativa na capacidade antioxidante (51,33-92,70%) foi observada de acordo com a região onde a amostra foi coletada. A capacidade antioxidante das amostras de própolis da região Nordeste foi menor que a das amostras das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, respectivamente.

Keywords : Apis mellifera L.; β-caroteno; ácido linoleico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License