SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número1Selective control of Rhipicephalus (Boophilus) microplus in fipronil-treated cattle raised on natural pastures in Lages, State of Santa Catarina, Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista Brasileira de Parasitologia Veterinária

versión On-line ISSN 1984-2961

Resumen

VIEIRA, Rafael Felipe da Costa et al. Erliquiose no Brasil. Rev. Bras. Parasitol. Vet. (Online) [online]. 2011, vol.20, n.1, pp. 01-12. ISSN 1984-2961.  http://dx.doi.org/10.1590/S1984-29612011000100002.

Erliquiose é uma doença causada por rickettsias pertencentes ao gênero Ehrlichia. No Brasil, estudos sorológicos e moleculares têm avaliado a ocorrência de espécies de Ehrlichia em cães, gatos, animais selvagens e seres humanos. Ehrlichia canis é a principal espécie em cães no Brasil, embora a infecção por E. ewingii tenha, recentemente, despertado suspeita em cinco cães. O DNA de E. chaffeensis foi detectado e caracterizado em cervo-do-pantanal, enquanto que E. muris e E. ruminantium ainda não foram identificadas no Brasil. A erliquiose monocítica canina causada pela E. canis parece ser altamente endêmica em muitas regiões do Brasil, embora dados de prevalência não estejam disponíveis em muitas delas. O DNA de E. canis também foi detectado e caracterizado em três gatos domésticos, enquanto anticorpos contra E. canis foram detectados em felídeos neotropicais de vida livre. Evidências sorológicas sugerem a ocorrência de erliquiose humana no Brasil, entretanto, o agente etiológico ainda não foi identificado. A melhoria do diagnóstico molecular promoverá a identificação e caracterização de espécies associadas à erliquiose humana no Brasil.

Palabras llave : Ehrlichia sp.; animais domésticos; animais silvestres; humanos.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés