SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número1Divergência genética entre acessos brasileiros de cúrcuma utilizando descritores morfo-agronômicosIdentificação de genótipos de trigo promissores para cruzamentos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Crop Breeding and Applied Biotechnology

versão On-line ISSN 1984-7033

Resumo

SOUZA, Marcelo Claro de; STUCHI, Eduardo Sanches  e  GOES, Antonio de. Reação de genótipos de tangerinas a Elsinoe fawcettii sob condições de infecção natural. Crop Breed. Appl. Biotechnol. (Online) [online]. 2011, vol.11, n.1, pp.77-81. ISSN 1984-7033.  http://dx.doi.org/10.1590/S1984-70332011000100011.

A verrugose dos citros, causada pelo fungo Elsinoe fawcettii, encontra-se presente em todas as áreas citrícolas do Brasil. Dada sua importância, o comportamento de acessos e híbridos de tangerinas foi avaliado sob condições naturais de infecção. O estudo envolveu plantas não irrigadas, com 15 anos de cultivo, sendo coletados 100 frutos de três plantas por genótipo, na fase de colheita. Mediante o emprego de escala de notas que variaram de 0 (ausência de sintomas) a 6 (sintomas severos), procedeu-se a avaliação do nível de severidade da doença. Dentre genótipos que mostraram-se resistentes incluem-se Citrus deliciosa, C. tangerina, C. nobilis; um híbrido de mandarina (C. nobilis x C. deliciosa) e um híbrido de satsuma (C. unshiu x C. sinensis). Nos demais genótipos foram encontrados sintomas, cujos níveis de severidade variaram de 1 a 3, enquadrando-os como de moderada resistência.

Palavras-chave : verrugose; citricultura; variedades resistentes.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons