SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número4Interação genótipos x ambientes em cultivares de feijão carioca recomendadas no Brasil nos últimos 40 anosAvaliação da capacidade combinatória de milho branco para canjica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Crop Breeding and Applied Biotechnology

versão impressa ISSN 1518-7853versão On-line ISSN 1984-7033

Resumo

OLIVEIRA, Keise Mara Belmonte de et al. Avaliação da resistência ao alumínio em híbridos intraespecíficos de Brachiaria decumbens Stapf. Crop Breed. Appl. Biotechnol. [online]. 2015, vol.15, n.4, pp.251-257. ISSN 1518-7853.  http://dx.doi.org/10.1590/1984-70332015v15n4a42.

Objetivou-se avaliar híbridos intraespecíficos de Brachiaria decumbens para dois componentes da adaptação edafoclimática: vigor da raiz e resistência aoalumínio. Cem híbridos intraespecíficos e seus parentais foram avaliados em casa de vegetação. Os híbridos diferiram para ambos os caracteres, indicando a existência de variabilidade genética. Os parentais apresentaram desempenho semelhante para vigor da raiz, mas diferiram para resistência ao alumínio. Vinte e três e sete híbridos foram superiores a cultivar Basilisk para vigor da raiz e resistência ao alumínio, respectivamente, porém a maioria não foi coincidente em ambos os caracteres. A herança da resistência ao alumínio aparenta ser quantitativa, visto que a maioria dos híbridos apresentou um desempenho mediano, e poucos nos extremos. A estimativa da herdabilidade com base em médias de progênies para resistência ao alumínio (0,27) foi inferior a do vigor da raiz (0,69). A metodologia utilizada foi eficiente em discriminar e identificar híbridos superiores para adaptação edafoclimática.

Palavras-chave : Capim braquiária; estresse abiótico, solos ácidos; herdabilidade; seleção recorrente.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )