SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.47 número1Characterization of gliclazide-polyethylene glycol solid dispersion and its effect on dissolutionPreliminary study to characterize differences in potential immunomodulatory effects of cyclosporine A using BALB/c and ICR mouse splenocytes índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Pharmaceutical Sciences

versão On-line ISSN 2175-9790

Resumo

STORTI-FILHO, Agenor et al. Effects of depomedroxyprogesterone acetate on the development and maintenance of Candida albicans in the vagina of oophorectomized Wistar rats (Rattus norvegicus). Braz. J. Pharm. Sci. [online]. 2011, vol.47, n.1, pp.167-174. ISSN 2175-9790.  http://dx.doi.org/10.1590/S1984-82502011000100021.

O objetivo do presente estudo foi determinar os efeitos do acetato de depomedroxyprogesterona (ADMP) no desenvolvimento e manutenção de Candida albicans na vagina de ratas Wistar ooferectomizadas. Os animais foram divididos em grupos controle negativos (GCN), que receberam injeções de salina estéril; grupos controle positivos (GCP), que receberam injeções de valerato de estradiol; e grupos progesterona (GP), nos quais foram feitas injeções de Depo-Provera®. Após uma semana da aplicação hormonal, foi induzida a infecção vaginal por C. albicans em todos os grupos, detectada por cultura para leveduras vaginais e esfregaço de Papanicolaou. Foram feitas ainda imagens por microscopia eletrônica de varredura e transmissão para confirmar a infecção pela levedura no GP. Foram observados diferentes níveis de progesterona em GP, entre os valores basais e após a indução hormonal (P<0,0001). Neste grupo, 100,0% das ratas contraíram a infecção vaginal na primeira semana, mas não a mantiveram até a terceira semana. A forma farmacêutica de ADMP foi efetiva em induzir as fases de metaestro e diestro do ciclo estral das ratas, da mesma forma que usando progesterona pura. Em contraste com o que ocorre no tratamento com estrógeno, a progesterona não pôde manter a infecção vaginal experimental por C. albicans por um período significativo de tempo.

Palavras-chave : Acetato de depomedroxyprogesterona [efeitos]; Acetato de depomedroxyprogesterona [estudo experimental]; Candidiase vulvovaginal; Candida albicans.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons