SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue4Stability of maxillary anterior crowding treatmentMicrobiological evaluation of bristles of frequently used toothbrushes author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Dental Press Journal of Orthodontics

On-line version ISSN 2176-9451

Abstract

MORAIS, Juliana Fernandes de et al. Alteração das angulações mesiodistais dos incisivos superiores em pacientes com diastemas anterossuperiores tratados ortodonticamente. Dental Press J. Orthod. [online]. 2012, vol.17, n.4, pp. 65-71. ISSN 2176-9451.  http://dx.doi.org/10.1590/S2176-94512012000400015.

OBJETIVO: esse trabalho teve por objetivo descrever o padrão de angulações mesiodistais dos incisivos superiores em pacientes com diastemas nessa área e observar as alterações dessas angulações durante e após o tratamento ortodôntico. Também objetivou analisar se existe associação entre as angulações mesiodistais desses dentes nos estágios inicial, final de tratamento e pós-contenção e a recidiva dos diastemas anterossuperiores. MÉTODOS: a amostra consistiu de 30 pacientes que foram avaliados antes do tratamento, logo após e passados 7 anos da remoção do aparelho ortodôntico. Os indivíduos apresentavam má oclusão de Classe I ou Classe II e, pelo menos, um diastema interincisivos com largura mínima de 0,77mm antes do tratamento. Além disso, os caninos superiores permanentes apresentavam a metade da coroa na cavidade bucal, no mínimo. RESULTADOS: as angulações dos incisivos apresentaram tendência à mesialização com o tratamento ortodôntico, sendo que houve diferença significativa apenas para as angulações dos incisivos laterais. No período pós-contenção, as angulações de todos os incisivos permaneceram estáveis. Não foi observada associação entre a recidiva dos diastemas e as angulações dos incisivos superiores. CONCLUSÃO: as angulações mesiodistais dos incisivos de pacientes com diastemas nessa área sofreram poucas modificações com o tratamento, havendo uma maior tendência de mesialização das coroas dos incisivos laterais. Os resultados obtidos com o tratamento permaneceram estáveis. Não houve associação entre a recidiva dos diastemas anterossuperiores e as posições mesiodistais dos dentes analisados.

Keywords : Diastema; Radiografia panorâmica; Incisivo; Ortodontia; Recidiva.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English