SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 issue5Agenesis of maxillary lateral incisor in an Angle Class II, Division 1 malocclusion patient author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Dental Press Journal of Orthodontics

Print version ISSN 2176-9451On-line version ISSN 2177-6709

Abstract

GARIB, Daniela Gamba; ROSAR, Julia Petruccelli; SATHLER, Renata  and  OZAWA, Terumi Okada. Dual embryonic origin of maxillary lateral incisors: clinical implications in patients with cleft lip and palate. Dental Press J. Orthod. [online]. 2015, vol.20, n.5, pp.118-125. ISSN 2177-6709.  https://doi.org/10.1590/2177-6709.20.5.118-125.sar.

Introdução:

as fissuras de lábio e palato são malformações de alta prevalência na população. Nas fissuras que envolvem o rebordo alveolar, o incisivo lateral superior mostra variações de número, forma, tamanho e posição, o que o torna objeto de estudo, na tentativa de elucidar sua origem embrionária para compreender a etiologia dessas alterações.

Contextualização:

existia a hipótese de que a fissura orofacial seria capaz de segmentar o botão embrionário do incisivo lateral. No entanto, estudos recentes evidenciaram que o incisivo lateral superior possui dupla origem embrionária, sendo formado parcialmente pelo processo nasal medial e pelo processo maxilar. Em outras palavras, a metade mesial do incisivo lateral provém do processo nasal medial, enquanto a metade distal do incisivo lateral origina-se do processo maxilar. No paciente com fissura, não há fusão desses processos, o que resulta nos diferentes padrões numéricos e posicionais do incisivo lateral em relação à fissura. Além dessas considerações, propõe-se também uma nomenclatura para o incisivo lateral em pacientes com fissura labiopalatina, com embasamento na Embriologia, considerando-se sua posição em relação à fissura alveolar.

Conclusão:

o conhecimento embriológico da dupla origem do incisivo lateral superior e o emprego de uma nomenclatura adequada para as suas variações numéricas e posicionais facilita a comunicação entre profissionais, o planejamento dos casos e possibilita a realização de estudos clínicos comparativos.

Keywords : Embriologia; Fenda labial; Fissura palatina; Incisivo.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )