SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue4Fluency and reading comprehension in students with reading difficultiesFine motor, sensory and perceptive function of students with attention deficit disorder with hyperactivity author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

On-line version ISSN 2179-6491

Abstract

RABELO, Alessandra Terra Vasconcelos et al. Alterações de fala em escolares na cidade de Belo Horizonte. J. Soc. Bras. Fonoaudiol. [online]. 2011, vol.23, n.4, pp. 344-350. ISSN 2179-6491.  http://dx.doi.org/10.1590/S2179-64912011000400009.

OBJETIVO: Descrever alterações de fala em escolares de 1ª a 4ª série e investigar a existência de associação entre essas alterações e os distúrbios de motricidade orofacial (MO) e de processamento auditivo. MÉTODOS: Estudo transversal com amostra aleatória e estratificada composta por 288 escolares, calculada com base num universo de 1.189 crianças matriculadas em escolas públicas da área de abrangência de um centro de saúde de Belo Horizonte. A idade mediana foi de 8,9 anos, sendo 49,7% meninos. Foram utilizados: protocolo de MO adaptado do Roteiro para Avaliação Miofuncional; prova de Fonologia do Teste de Linguagem Infantil ABFW; e avaliação simplificada do processamento auditivo. Os dados foram analisados estatisticamente. RESULTADOS: Das crianças avaliadas, 31,9% apresentaram alteração de fala. Destas, 18% apresentaram desvio fonético, 9,7% desvio fonológico e 4,2% fonético e fonológico. Observou-se variação linguística na fala de 38,5% das crianças. Houve maior proporção de crianças com desvio fonético isolado na 1ª série e de crianças menores de 8 anos com desvio fonético e fonológico. Verificou-se associação entre desvio fonético e alterações de motricidade orofacial e entre desvio fonológico e alterações de processamento auditivo. CONCLUSÃO: A prevalência de alterações de fala em escolares de 1ª a 4ª série é considerada alta. Além disso, estas são associadas a outras alterações fonoaudiológicas, o que sugere que uma pode ser consequência de outra, apontando para a necessidade de diagnóstico e intervenções precoces.

Keywords : Saúde da criança; Atenção primária à saúde; Distúrbios da fala; Transtornos da percepção auditiva; Fatores etários.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese