SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3Comparison of vascular response to different doses and patterns of elution of sirolimus-eluting stents using coronary intravascular ultrasoundPatient demographics and immediate results of primary angioplasty in the SOLACI Registry author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Cardiologia Invasiva

On-line version ISSN 2179-8397

Abstract

FALCAO, João Luiz de Alencar Araripe et al. Associação entre a densidade radiológica da placa à tomografia de coronárias com 64 colunas de detectores e a composição da placa ao ultrassom intravascular com técnica de histologia virtual: resultados de uma comparação pareada prospectiva. Rev. Bras. Cardiol. Invasiva [online]. 2009, vol.17, n.3, pp.327-334. ISSN 2179-8397.  http://dx.doi.org/10.1590/S2179-83972009000300009.

INTRODUÇÃO: Pouco se conhece sobre a comparação entre métodos de avaliação da placa aterosclerótica coronária, como a tomografia computadorizada com múltiplos detectores (TCMD) e o ultrassom intravascular com técnica de histologia virtual (HV). MÉTODO: Foram analisados prospectivamente os vasos coronários principais de 21 pacientes à TCMD e à HV. Cada vaso analisado foi dividido em subsegmentos de 4 mm (unidades básicas para a análise). Os subsegmentos foram pareados conforme sua localização axial. Os limites da luz e do vaso foram traçados à HV e à TCMD com o auxílio de programas específicos. A contribuição porcentual de cada componente da placa à HV e a razão necrose:cálcio foram quantificadas. A placa à TCMD foi avaliada por sua densidade radiológica em unidades Hounsfield (UH). RESULTADOS: Foram analisados 641 subsegmentos, obtidos de 70 vasos. A contribuição porcentual dos componentes à HV foi: fibroso = 64%; fibrolipídico = 20%; núcleo necrótico = 11%; cálcio denso = 5%; e razão necrose:cálcio = 5,1. A atenuação da placa à TCMD variou de 44 UH a 440 UH. Para a análise, as placas foram divididas em três grupos de tamanhos semelhantes, conforme a densidade da placa à TCMD (1º tercil: 44-128 UH, 2º tercil: 129-178 UH, e 3º tercil: 178-440 UH). Houve correlação inversa entre a razão necrose/cálcio à HV e densidade da placa à TCMD (1º tercil: 4,1, 2º tercil: 2,9, e 3º tercil: 2,3; P < 0,01) e relação direta entre o porcentual de cálcio denso à HV e a densidade da placa à TCMD (1º tercil: 1,5%, 2º tercil: 2,5%, e 3º tercil: 3,8%; P < 0,01). CONCLUSÃO: A densidade da placa aterosclerótica avaliada pela TCMD em tomógrafo de 64 colunas de detectores associa-se significativamente com a composição da placa à HV.

Keywords : Tomografia computadorizada espiral; Ultrasonografia de intervenção; Doença da artéria coronariana [patologia].

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License