SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue4Impact of obesity on in-Hospital outcomes of percutaneous coronary intervention: results of hospital Bandeirantes registryEarly arterial sheath removal guided by activated clotting time after percutaneous coronary intervention author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Cardiologia Invasiva

On-line version ISSN 2179-8397

Abstract

GIOPPATO, Silvio et al. Intervenção coronária percutânea no hospital Vera Cruz de Campinas: resultados de cinco anos de experiência. Rev. Bras. Cardiol. Invasiva [online]. 2011, vol.19, n.4, pp. 411-416. ISSN 2179-8397.  http://dx.doi.org/10.1590/S2179-83972011000400012.

INTRODUÇÃO: A intervenção coronária percutânea (ICP) tem importante papel no tratamento da doença arterial coronária, em decorrência do desenvolvimento tecnológico e da ampliação de sua utilização nos cenários clínicos de maior complexidade. Apresentamos a experiência de serviço de hemodinâmica que iniciou sua atividade há cinco anos, localizado em hospital em Campinas (SP). MÉTODOS: De 2006 a 2011, 518 pacientes foram submetidos consecutivamente a ICP no Hospital Vera Cruz e incluídos neste estudo. As características clínicas, angiográficas e do procedimento e os resultados clínicos hospitalares foram analisados. RESULTADOS: A média de idade dos pacientes foi de 65,8 + 12,2 anos, 73,5% eram do sexo masculino, 29,9% eram diabéticos e metade dos procedimentos foi realizada na vigência de síndrome coronária aguda. No total, foram tratadas 890 lesões (74% delas do tipo B2/C), sendo implantado 1,6 stent/paciente, 37,1% dos quais farmacológicos. O diâmetro e o comprimento do stent foram, respectivamente, de 3,01 + 0,53 mm e 23,2 + 7 mm. O sucesso do procedimento foi de 93,6%, óbito ocorreu em 2,9% dos pacientes, acidente vascular cerebral em 0,8%, infarto do miocárdio em 3,5%, ICP de urgência em 0,8%, e trombose de stent em 0,97%. Hipertensão arterial [odds ratio (OR) 4,48, intervalo de confiança de 95% (IC 95%) 1,32-15,16; P = 0,016] e diabetes (OR 7,24, IC 95% 1,69-31,05; P = 0,008) foram preditores independentes de eventos adversos cardíacos e cerebrovasculares maiores (ECCAM) hospitalares. CONCLUSÕES: O sucesso do procedimento e a baixa ocorrência de ECCAM demonstram a efetividade e a segurança da ICP no atendimento de pacientes da prática clínica diária tratados em um novo serviço de cardiologia intervencionista, inserido em hospital localizado fora da capital do Estado de São Paulo.

Keywords : Angioplastia; Stents; Doença das coronárias.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese