SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue4Invertebrates associated to Eichhornea azurea Kunth in a lagoon of the Upper Paraná River: composition, community attributes and influence of abiotic factorsDiversity of phytoplankton community in different urban aquatic ecosystems in metropolitan João Pessoa, state of Paraíba, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Acta Limnologica Brasiliensia

On-line version ISSN 2179-975X

Abstract

PAES, Thécia Alfenas Silva Valente et al. Efeitos da calagem e desenvolvimento do Curimbatá (Prochilodus lineatus) na abundância do zooplâncton em viveiros de piscicultura. Acta Limnol. Bras. [online]. 2011, vol.23, n.4, pp. 386-393.  Epub June 14, 2012. ISSN 2179-975X.  http://dx.doi.org/10.1590/S2179-975X2012005000017.

OBJETIVO: Nosso objetivo foi avaliar a influencia da correção da alcalinidade da água em viveiros de piscicultura na densidade do zooplâncton em período em que foram estocados com larvas de Prochilodus lineatus, um peixe neotropical denominado "Curimbatá". MÉTODOS: Foi utilizado um delineamento experimental fatorial, inteiramente causualizado. Em um tratamento (2 viveiros), não houve correção da alcalinidade da água, e em outros dois viveiros, a alcalinidade foi ajustada semanalmente para valores em torno de 30 e 60 mg CaCO3.L-1, com duas réplicas cada. Os organismos zooplanctônicos foram coletados semanalmente durante 63 dias. RESULTADOS: Diferenças significativas foram observadas na densidade do zooplâncton ao longo do tempo (F = 6,78, p < 0,05) e um decréscimo acentuado na densidade do zooplâncton foi observado da primeira para a segunda semana, e pequenos aumentos sucessivos na densidade da quarta semana até o final do experimento. Ao considerar todo o período experimental, a alcalinidade corrigida para 60 mg CaCO3.L-1 resultou em maiores densidades de zooplâncton. Ocorreram grandes mudanças na composição zooplanctônica. Rotifera foram dominantes no início do experimento e Cladocera e Copepoda nas últimas semanas, possivelmente devido a uma interação da correção da alcalinidade e predação tanto por peixes quanto por copépodos predadores que ocorreram a partir da quarta semana até o fim. CONCLUSÃO: O experimento corroborou a hipótese que a correção da alcalinidade da água em viveiros favorece o desenvolvimento do zooplâncton, mas também destacou-se a interação de fatores bióticos e abióticos atuando simultaneamente.

Keywords : predação por peixe; zooplânton; correção de alcalinidade; calagem.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English