SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número4Diversity of phytoplankton community in different urban aquatic ecosystems in metropolitan João Pessoa, state of Paraíba, BrazilDifferent levels of taxonomic resolution in bioassessment: a case study of oligochaeta in lowland streams índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Acta Limnologica Brasiliensia

versión On-line ISSN 2179-975X

Resumen

CREMA, Luciana Carvalho; BIUDES, Jose Francisco Vicente  y  CAMARGO, Antonio Fernando Monteiro. Efeito do petróleo de Urucu (Amazônia/Brasil) sobre a biomassa da macrófita aquática Eichhornia crassipes (Mart.) Solms (Pontederiaceae). Acta Limnol. Bras. [online]. 2011, vol.23, n.4, pp. 406-411.  Epub 14-Jun-2012. ISSN 2179-975X.  http://dx.doi.org/10.1590/S2179-975X2012005000019.

Os rios e lagos de várzea da província petrolífera de Urucu, na Amazônia Central, são amplamente colonizados por macrófitas aquáticas, que podem ser afetadas por acidentes durante a exploração e o transporte de petróleo. Entre as macrófitas, a espécie flutuante Eichhornia crassipes (aguapé) ocorre abundantemente na região; OBJETIVO: O objetivo desse estudo foi verificar o efeito de diferentes dosagens do petróleo de Urucu (0; 0,5; 1,5 e 3,0 L.m-2) na biomassa viva e morta de E. crassipes e em algumas características físicas e químicas da água; MÉTODOS: O experimento teve oitenta e quatro dias de duração. A cada sete dias foi determinada a biomassa (viva e morta) de E. crassipes e os valores de temperatura, pH, condutividade elétrica e oxigênio dissolvido da água; RESULTADOS: A dosagem de 0,5 L.m-2 foi suficiente para causar mortalidade parcial (48%) em E. crassipes após trinta e cinco dias de exposição ao petróleo. A dosagem de 3,0 L.m-2 causou mortalidade total (100%) em E. crassipes em oitenta e quatro dias de exposição. A decomposição do petróleo e da biomassa morta de E. crassipes provocam a redução do oxigênio dissolvido e do pH, e aumento da condutividade elétrica e de fósforo total na água; CONCLUSÕES: Nós concluímos que um derramamento de petróleo pode provocar mortalidade total em uma população de uma espécie de macrófita, mas não em uma outra. Isto pode alterar a diversidade de espécies de macrófitas na região impactada. No caso de Eichhornia crassipes e Pistia stratiotes, um derramamento de petróleo de Urucu pode favorecer E. crassipes, a espécie menos sensível ao petróleo.

Palabras llave : água; aguapé; biomassa; dosagem; mortalidade.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés