SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 número1Efeitos da retirada da vegetação marginal sobre a comunidade de OdonataVariação na dieta de um pequeno Characidae de acordo com a cobertura da mata ripária em um riacho da Mata Atlântica, nordeste do Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Acta Limnologica Brasiliensia

versão On-line ISSN 2179-975X

Resumo

TERRA, Nara Regina  e  GONCALVES, Silvana Pereira. Resposta de Daphnia magna Straus, 1820 a amostras de sedimento de um rio contaminado (Rio Grande do Sul, Brasil). Acta Limnol. Bras. [online]. 2013, vol.25, n.1, pp.19-33. ISSN 2179-975X.  https://doi.org/10.1590/S2179-975X2013000100004.

OBJETIVO: O rio dos Sinos, tributário do Lago Guaíba, percorre cerca de 200km desde a nascente até a foz , recebendo influência de diversas fontes poluidoras. Visando melhor conhecer as condições deste rio foi desenvolvido estudo nas zonas média e inferior avaliando os efeitos na sobrevivência e na reprodução de Daphnia magna, decorrentes da contaminação do sedimento por xenobióticos. MÉTODOS: Entre dez/2007 e ago/2009 foram coletadas oito amostras de sedimento por site, para serem usadas como substrato para 480 cladóceros jovens (2-26h de vida no início dos ensaios) em testes de toxicidade crônica (21 dias). Para tanto indivíduos de D. magna foram expostos a sedimento e meio de cultivo M4, na proprção1:4 (v:v), utilizando béqueres de 50 mL, mantidos a 20 ºC ± 2 ºC em ciclos de 16h luz: 8h escuro. Os organismos-teste originaram-se de lotes com LC50-24h = 1,04 mg K2Cr2O7 ± 0.11 mg. A definição de respostas agudas e/ou crônicas considerou a porcentagem de sobrevivência e a média reprodutiva. Como complementação estatística foram aplicados os testes T (p < 0,05) e Duncan (p < 0,05), ANOVA e Correlação de Spearman dos dados biológicos. Buscando constatar dependências entre a pluviometria dos sites e os parâmetros biológicos também foi aplicado o mesmo cálculo, porém não houve evidência de correlação. Presença de toxicidade aguda foi diagnosticada para a amostra em que a sobrevivência foi inferior a 80% e crônica quando a média de neonatos por ninhada foi inferior a 20 dafinídeos. RESULTADOS: Foram encontrados atrasos reprodutivos coincidentes com parâmetros físicos e químicos e presença de metais em valores em desconformidade com a legislação. A análise estatística sugeriu a predominância de fontes pontuais de contaminação. Observou-se efeito na sobrevivência em 17% das amostras e na reprodução em 87%. CONCLUSÕES: Este estudo mostrou que a descarga de poluentes persiste rio dos Sinos o que pode interferir no equilíbrio da rede trófica, já que houve elevação da mortalidade e queda da fecundidade entre os organismos expostos.

Palavras-chave : Daphnia magna; ecotoxicologia; poluição; sedimento.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons