SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 número45As políticas para o livro didático durante a ditadura militar: a Colted e a FenamePragmatismo e idealismo: o debate entre pioneiros e católicos em dois manuais no Brasil dos anos de 1930 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


História da Educação

versão On-line ISSN 2236-3459

Resumo

OLIVEIRA, Fernando Rodrigues de  e  TREVISAN, Thabatha Aline. Medidas de controle da circulação do livro didático para o ensino de leitura e escrita em São Paulo: atuação da commissão revisora de 1918. Hist. Educ. [online]. 2015, vol.19, n.45, pp.103-125. ISSN 2236-3459.  http://dx.doi.org/10.1590/2236-3459/48152.

Com o objetivo de contribuir para a compreensão da história do ensino de leitura e escrita e a história das políticas de circulação dos livros didáticos em São Paulo, Brasil, apresentam-se resultados da análise dos documentos produzidos pela Commissão Revisora de Livros Didáticos, instituída em 1918 pela Diretoria Geral da Instrução Pública de São Paulo. Esta comissão teve como objetivo rever quais livros, dentre os já aprovados por comissões anteriores, deveriam continuar como recomendados para uso nas escolas primárias paulistas, relativamente ao ensino de leitura e escrita. Para tanto, foram produzidos diferentes relatórios, os quais são representativos das ações do governo paulista para controle da circulação e do uso dos livros didáticos nas escolas primárias no início do século 20.

Palavras-chave : livro didático; ensino de leitura e escrita; história da alfabetização; história da educação.

        · resumo em Inglês | Espanhol | Francês | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )