SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número50CIRCULAÇÃO DE IDEIAS SOBRE A RENOVAÇÃO DO ENSINO SECUNDÁRIO NA REVISTA ESCOLA SECUNDÁRIA (1957-1961)ABECEDÁRIOS EM CIRCULAÇÃO: ENTRE DICIONÁRIOS, IMPRESSOS E CARTILHAS ESCOLARES índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


História da Educação

versão impressa ISSN 1414-3518versão On-line ISSN 2236-3459

Resumo

WEIDUSCHADT, Patrícia  e  TAMBARA, Elomar Antonio Callegaro. CARTILHAS E LIVROS DIDÁTICOS NAS ESCOLAS POMERANAS LUTERANAS NO SUL DO RIO GRANDE DO SUL (1900-1940). Hist. Educ. [online]. 2016, vol.20, n.50, pp.275-296. ISSN 1414-3518.  http://dx.doi.org/10.1590/2236-3459/62018.

Neste artigo busca-se comparar cartilhas e livros didáticos utilizados em comunidades pomeranas na região meridional do Rio Grande do Sul orientadas pelas seguintes instituições luteranas: Sínodo de Missouri e Sínodo Riograndense. Para entender a demarcação do campo religioso e a instauração das disposições educativo-religiosas foi usado o conceito de campo e de habitus Pierre Bourdieu (2002; 1983). Cabe destacar que o Sínodo Riograndense apostou no uso das suas cartilhas em escolas étnicas fora do seu viés doutrinário, como, por exemplo, nas escolas católicas e nas independentes, a fim de fortalecer o movimento germanista e a formação geral, enquanto o Sínodo de Missouri procurou, pelas cartilhas, o incremento e fortalecimento da doutrina luterana e pouco envolvimento com questões de cunho ideológico.

Palavras-chave : cartilhas; luteranismo; pomeranos.

        · resumo em Inglês | Espanhol | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )