SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número4Significados atribuídos por mulheres dependentes de substâncias psicoativas à adesão ao tratamento no contexto ambulatorial: um estudo qualitativoEstrutura fatorial, consistência interna e confiabilidade do Posttraumatic Stress Disorder Checklist (PCL): um estudo exploratório índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Trends in Psychiatry and Psychotherapy

versão impressa ISSN 2237-6089

Resumo

RIBEIRO, Mário Sérgio et al. Abandono de tratamento em serviço secundário de saúde mental. Trends Psychiatry Psychother. [online]. 2012, vol.34, n.4, pp.207-214. ISSN 2237-6089.  https://doi.org/10.1590/S2237-60892012000400006.

OBJETIVO: Investigar a taxa de abandono de tratamento no nível secundário de saúde mental e identificar possíveis associações entre abandono e variáveis sociais, demográficas, psicopatológicas e do processo de cuidado. MÉTODOS: Este estudo observacional, prospectivo, incluiu 994 pacientes referenciados a serviço secundário por quatro unidades básicas de saúde e avaliados por uma equipe especialista em saúde mental entre 2004 e 2008. A variável independente foi abandono de tratamento. Análises bivariadas investigaram possíveis associações entre abandono e 57 variáveis independentes de diferentes dimensões. RESULTADOS: A taxa geral de abandono de tratamento especialista foi relativamente baixa (média = 25,6%). Apenas quatro variáveis independentes se mostraram associadas a abandono: uma sociodemográfica, duas psicopatológicas, e uma relativa ao processo de cuidado. Todas as associações foram marginalmente significativas (p < 0,1). CONCLUSÕES: Os resultados sugerem bom engajamento de pacientes, familiares e profissionais nesse sistema de atenção à saúde mental focado no modelo da atenção primária. A utilização desse modelo de assistência em saúde mental deveria ser estendido a outras regiões do país.

Palavras-chave : Abandono do tratamento; saúde mental; atenção secundária; qualidade da assistência à saúde.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons