SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue2Systematic review of the prevalence of bipolar disorder and bipolar spectrum disorders in population-based studiesImpairment in psychosocial functioning in patients with different subtypes of eating disorders author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Trends in Psychiatry and Psychotherapy

Print version ISSN 2237-6089

Abstract

COSTA, Marianna de Abreu et al. Associação entre sintomas ansiosos e uso problemático de álcool em adolescentes. Trends Psychiatry Psychother. [online]. 2013, vol.35, n.2, pp.106-110. ISSN 2237-6089.  http://dx.doi.org/10.1590/S2237-60892013000200003.

INTRODUÇÃO: Os transtornos de ansiedade possuem alta prevalência, afetando aproximadamente 10% dos indivíduos ao longo da vida; seu início pode ser detectado já na infância e na adolescência. Estudos em adultos demonstram que a ansiedade está associada ao abuso de álcool. No entanto, poucos estudos investigaram a associação entre sintomas ansiosos e o uso problemático de álcool em indivíduos jovens. OBJETIVO: Avaliar se os sintomas de ansiedade estão relacionados com uso problemático de álcool em jovens. Métodos: Um total de 239 indivíduos com idade de 10-17 anos foram aleatoriamente selecionados em escolas pertencentes à área de abrangência do Hospital de Clinicas de Porto Alegre. A escala Screen for Child Anxiety-Related Emotional Disorders (SCARED) foi utilizada para avaliar a presença de sintomas ansiosos, e a escala Alcohol, Smoking and Substance Involvement Screening Test (ASSIST), para avaliar o uso de álcool. RESULTADOS: Cento e vinte e sete indivíduos (53,1% ) já haviam utilizado bebida alcoólica. Desses, 14 indivíduos mostraram uso problemático de álcool (5,8% ). Não foi observada associação entre ter usado álcool na vida e sintomas ansiosos. Porém, o escore médio da SCARED em indivíduos com uso problemático de álcool foi maior quando comparado com o escore daqueles sem uso de álcool problemático, mesmo após ajuste para idade e gênero (29,9±8,5 vs. 23,7±11,8, p < 0,001). CONCLUSÕES: Apesar das limitações impostas pelo desenho transversal, nosso estudo sugere que sintomas de ansiedade estão associados com o uso problemático de álcool em indivíduos jovens.

Keywords : Criança; adolescente; ansiedade; etanol.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License