SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue1Preoperative mechanical bowel preparation in elective colorectal surgery: an update of systematic review of the literature and meta-analysis author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Journal of Coloproctology (Rio de Janeiro)

Print version ISSN 2237-9363

Abstract

NADAL, Sidney Roberto et al. Efficacy of topical imiquimod in HIV-positive patients with recurrent anal condylomata acuminata. J. Coloproctol. (Rio J.) [online]. 2012, vol.32, n.1, pp. 1-6. ISSN 2237-9363.  http://dx.doi.org/10.1590/S2237-93632012000100001.

INTRODUÇÃO: O imiquimode é agente tópico quimioterápico e imunoestimulante, com atividades antitumoral e antiviral, usado para tratamento dos condilomas acuminados perianais, principalmente os recidivantes. OBJETIVO: Avaliar a eficácia do imiquimode nos condilomas acuminados perianais crônicos e multirrecidivantes dos doentes soropositivos para o vírus da imunodeficiência adquirida (HIV). CASUÍSTICA E MÉTODO: Estudo clínico prospectivo por 12 meses em que observamos o uso tópico de imiquimode creme 5%, por no mínimo 8 semanas, em 61 portadores de condilomas acuminados perianais recidivantes e de difícil controle, e que já haviam sido submetidos a vários outros tratamentos clínicos e operatórios. Avaliamos a eficácia do produto quanto sua remissão (através de exame clínico e colposcópico), nível dos linfócitos T CD4+ e efeitos adversos. Foram 55 homens e 6 mulheres com idade entre 22 e 63 anos. RESULTADOS: Obtivemos 90% de remissão, sendo 46% de resposta completa, 44% de resposta parcial e 10% sem qualquer resposta em até 16 semanas de tratamento com imiquimode. A taxa de recidiva atingiu 11% em 24 semanas de seguimento. Quanto ao nível de linfócitos T CD4+, não observamos diferença estatística entre o grupo que atingiu remissão completa e o grupo que manteve lesões. Efeitos adversos foram relatados por 45% dos doentes, sendo ardor leve a moderado (25%), ardor intenso (7%), dermatite ulcerativa (8%) e efeitos sistêmicos (5%). CONCLUSÃO: O imiquimode foi efetivo no controle dos condilomas acuminados perianais recidivantes dos doentes HIV-positivo, independente da contagem sérica dos linfócitos T CD4+.

Keywords : infecções pelo papilomavírus; condiloma acuminado; imunoterapia.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English