SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.47 número3Deformação prolongada durante o resfriamento de um arco paleoproterozoico registrado por idades 40 Ar/ 39 Ar em muscuvita de falhas rúpteis: o Terreno transamazônico Bacajá, BrazilRegistros de eventos tafrogênicos mesoproterozoicos no embasamento do Orógeno Araçuaí, sudeste do Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Geology

versão impressa ISSN 2317-4889versão On-line ISSN 2317-4692

Resumo

VALERIO, Cristóvão da Silva; MACAMBIRA, Moacir José Buenano; SOUZA, Valmir da Silva  e  DANTAS, Elton Luiz. Magmatismo alcalino potássico saturado em SiO 2 na porção central do Cráton Amazônico, extremo sul do Domínio Uatumã-Anauá, NE do Amazonas, Brasil. Braz. J. Geol. [online]. 2017, vol.47, n.3, pp.441-446. ISSN 2317-4889.  http://dx.doi.org/10.1590/2317-4889201720170044.

Este trabalho analisa o registro do magmatismo alcalino potássico saturado-SiO 2 do Quartzo-Monzonito Castanhal e do Quartzo-Sienito Ladeira da Vovó. Essas rochas estão localizadas próximas à borda norte da Bacia do Amazonas. As amostras mostram valores K 2 O + 2 > Na 2 O e K 2 O/Na 2 O < 2, que confirmam o caráter alcalino potássico ou shoshonítico. O Quartzo Monzonito Castanhal contém menos de 20% de quartzo, o qual é também característico de rochas alcalinas potássicas, o que é confirmado nos diagramas geoquímicos. O Quartzo-Sienito Ladeira da Vovó foi alojado e retrabalhado em falhas lístricas, representantes da fase rifte da formação da Bacia do Amazonas, que causou sua proeminente textura granofírica (granófiro) provavelmente durante o período Toniano. Um grupo de 21 cristais de zircão foi extraído do hornblenda-quartzo-monzonito Castanhal e forneceu a idade média de 1872 ± 6 Ma (MSWD = 2,4), contudo um cristal adicional forneceu uma idade Transamazônica de 2062 ± 17 Ma. Essas rochas alcalino-potássicas de idade Orosiriana (1872 Ma) podem corresponder a um ambiente pós-colisional. Os valores negativos em εHft e as idades TDM Hf revelam grande contribuição de componentes crustais máficos Meso- a Neoarqueanos (2,95 - 2,66 Ga) e/ou componentes crustais félsicos Neoarquenos a Siderianos tardios (2,51 - 2,34 Ga).

Palavras-chave : Saturação em sílica; Magmatismo alcalino potássico; Suíte Mapuera; Domínio Uatumã-Anauá; Cráton Amazônico.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )