SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 número1Influência da escuta contextualizada na percepção da intensidade do desvio vocalVerificação da eficácia do uso de tubos de ressônancia na terapia vocal com indivíduos idosos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Audiology - Communication Research

versão On-line ISSN 2317-6431

Resumo

MACHADO, Ilza Maria et al. Associação entre distúrbio de voz e sintomas de disfunção temporomandibular autorreferidos por professores. Audiol., Commun. Res. [online]. 2014, vol.19, n.1, pp.75-80. ISSN 2317-6431.  http://dx.doi.org/10.1590/S2317-64312014000100013.

Objetivo

: Verificar a relação entre distúrbio de voz e sintomas de disfunção temporomandibular em professores do ensino fundamental.

Métodos

: Participaram deste estudo 138 professores, 96 do gênero feminino e 42 do gênero masculino, com média de idade de 38 anos. Os professores responderam questionário, com cinco questões de autorreferência à presença de alteração de voz no presente e sintomas de disfunção temporomandibular. Os dados foram analisados por meio de teste de associação (Qui-quadrado) para verificar associação entre distúrbio de voz e sintomas de disfunção temporomandibular, além da relação de cada um deles quanto a gênero e idade.

Resultados

: Os sintomas de disfunção temporomandibular relatados pelos professores foram: dor de cabeça ou na face, dor ao final do dia e dor ao falar muito. Os resultados mostraram diferença significativa para os sintomas de dor ao falar muito, dor ao final do dia e estalido na articulação temporomandibular, em professores sem distúrbio de voz. Houve diferença significativa para o gênero feminino, quanto a distúrbio de voz. Constatou-se maior número de autorreferência à disfunção temporomandibular, quando comparado ao distúrbio de voz, com diferença significativa para o gênero feminino.

Conclusão

: Os achados apontam associação estatística entre distúrbio de voz e sintomas de disfunção temporomandibular, em professores. Destaca-se a importância de outras pesquisas com avaliação clínica integrada, para aprofundar dados referentes a sintomas vocais e DTM, em relação à idade.

Palavras-chave : Voz; Distúrbios da voz; Síndrome da disfunção da articulação temporomandibular; Dor facial; Transtornos da articulação.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )