SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.2 issue5Clinical pharmacology of gentamicin in neonates: regimen, toxicology and pharmacokineticsEffects of a transdermal testosterone metered-dose nanoemulsion in peri- and postmenopausal women: a novel protocol for treating low libido author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


MedicalExpress

Print version ISSN 2318-8111On-line version ISSN 2358-0429

Abstract

PONCIANO, Sara; AREIAS, Cristina; LEAO-TELES, Elisa  and  SAMPAIO-MAIA, Benedita. HIPOSALIVAÇÃO, SALIVA ACÍDICA, DENTES CARIADOS E PREVALÊNCIA ORAL DE LEVEDURA EM CRIANÇAS COM MUCOPOLISACARIDOSE. MedicalExpress (São Paulo, online) [online]. 2015, vol.2, n.5, M150502. ISSN 2358-0429.  http://dx.doi.org/10.5935/MedicalExpress.2015.05.02.

OBJETIVO:

Pacientes portadores de mucopolissacaridose apresentam várias alterações do complexo estomatognático; no entanto, não existem dados disponíveis sobre a bioquímica da saliva e ou sobre a colonização por fungos. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência de cárie dentária bem como parâmetros bioquímicos e microbiológicos em pacientes com mucopolissacaridose.

MÉTODOS:

A amostra foi constituída por doze participantes com mucopolissacaridose, acompanhados na Unidade de Doenças Metabólicas do Centro Hospitalar de S. João do Porto e por doze participantes saudáveis acompanhados na Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto. Para todos os participantes, o índice de dentes cariados, perdidos ou obturados foi avaliado. Além disso, foram recolhidas amostras de saliva de todos os participantes para avaliar os parâmetros bioquímicos (fluxo salivar, pH, sódio, potássio, cloreto, cálcio, fosfato, α-amilase e IgA) e microorganismos tais como Streptococcus mutans e leveduras.

RESULTADOS:

Em comparação aos controles, os pacientes com MPS apresentam maior prevalência de dentes cariados assim como fluxo salivar e pH reduzido. Os pacientes com MPS apresentaram também taxas menores de íons de cálcio e maiores de íons de fosfato. Não foram encontradas diferenças entre os grupos quanto à carga microbiana oral por microrganismos totais, Streptococcus mutans e leveduras, bem como quanto à prevalência oral de Streptococcus mutans. No entanto, os pacientes com MPS apresentaram maior prevalência de candidíase oral em comparação com os controlos.

CONCLUSÃO:

A maior prevalência de dentes cariados e a maior colonização oral por leveduras em pacientes com MPS pode estar relacionada com a baixa concentração de cálcio salivar, com o pH ácido e com a hiposalivação.

Keywords : Mucopolissacaridose; saúde oral; pediatria; Candida; pH salivar.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )