SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número1Respostas morfofisiológicas de Billbergia zebrina Lindl. (Bromeliaceae) em função dos tipos e concentrações de carboidratos durante o cultivo convencional in vitroExtension of the vase life of cut sunflower by different vase solutions índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ornamental Horticulture

versão On-line ISSN 2447-536X

Resumo

EMER, Aquélis Armiliato et al. Fertilizante de liberação controlada no crescimento de mudas de Campomanesia aurea. Ornam. Hortic. [online]. 2020, vol.26, n.1, pp.35-44.  Epub 11-Maio-2020. ISSN 2447-536X.  https://doi.org/10.1590/2447-536x.v26i1.2020.

Campomanesia aurea é uma espécie sub-arbustiva nativa do Bioma Pampa, conhecida popularmente com guabirobinha-do-campo. Apresenta potencial ornamental para uso em vasos ou jardins devido ao seu pequeno tamanho, forma irregular, floração intensa e aromática. Um dos principais fatores para a produção é o uso adequado de fertilizantes e adubações equilibradas. O objetivo foi avaliar o crescimento de mudas e o conteúdo de nutrientes nas folhas de C. aurea submentidas a doses de fertilizante de liberação controlada (FLC). Mudas de C. aurea foram transplantadas para embalagens contendo casca de pinus compostada e as dose de FLC de: 0; 2,5; 5,0; 7,5 e 10,0 g L−1. Avaliou-se a altura, índice de clorofila, número de ramificações, diâmetro de colo, área foliar, Índice de Qualidade de Dickson, massa seca da parte aérea, massa seca de raiz e acúmulo de nutrientes nas folhas. Para altura, diâmetro de coleto, número de hastes, o ponto de máxima resposta foi com a concentração de 6,8; 6,6; e 6,9 g L−1 de FLC, respectivamente. Para a massa seca da parte aérea, área foliar e índice de clorofila verificaram-se aumentos até a concentração 8,1; 7,8 e 8,0 g L−1, respectivamente. Houve comportamento quadrático positivo para a maioria dos nutrientes, com exceção de Cu e Mn, que foi linear crescente com o aumento da dose de fertilizante. A aplicação de FLC em mudas de C. aurea entre 7 e 8 g de substrato L−1 promoveu um aumento nas principais características de crescimento de importância ornamental e proporciona resultados superiores no acúmulo de nutrientes nas folhas.

Palavras-chave : Myrtaceae; Ornamental nativa; acúmulo de nutrientes nas folhas.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )