SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28FATORES ASSOCIADOS AO DESEMPENHO EM UMA CORRIDA DE 10.000 METROS EM CORREDORES AMADORESEFEITOS DA ALTURA DO SELIM NO DESEMPENHO E NA ATIVAÇÃO MUSCULAR DURANTE TESTE DE WINGATE índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Journal of Physical Education

versão On-line ISSN 2448-2455

Resumo

SALVADOR, Mayndra Giusti et al. ESTIMULAÇÃO TRANSCRANIANA POR CORRENTE CONTÍNUA (ETCC) E ASSIMETRIAS MANUAIS: O EFEITO DA ESTIMULAÇÃO NA DESTREZA MANUAL. J. Phys. Educ. [online]. 2017, vol.28, e2837.  Epub 26-Out-2017. ISSN 2448-2455.  http://dx.doi.org/10.4025/jphyseduc.v28i1.2837.

O objetivo foi avaliar os efeitos da estimulação transcraniana por corrente contínua (ETCC) sobre o córtex motor primário (M1) nas assimetrias de desempenho manual em uma tarefa de destreza manual. A amostra foi composta por 28 voluntários, destros, do sexo masculino e sem comprometimento neurológico. A tarefa (Grooved Pegboard) consistiu em encaixar 25 pinos em 25 receptáculos, o mais rápido possível. A tarefa foi executada no pré-teste com ambas as mãos para definição do nível de assimetria manual. Uma semana após o pré-teste foi aplicado a ETCC ou placebo, em seguida os sujeitos foram avaliados no pós-teste. Os resultados revelaram que os efeitos da ETCC no M1 não foram capazes de diminuir as assimetrias manuais em uma tarefa de destreza manual em sujeitos destros. Entretanto, somente o grupo ETCC melhorou o desempenho do pré-teste para o pós-teste (p<0,05) em ambas as mãos. A estimulação do M1 direito pode ter gerado benefícios no M1 contralateral.

Palavras-chave : Destreza motora; Estimulação elétrica; Lateralidade funcional..

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )