SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número4The quality of life of community health agents and possible contributions of occupational therapyThe activity assessment instruments of the upper limbs do contemplate the most accomplished tasks at home by people with hemiparesis? índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional

versión On-line ISSN 2526-8910

Resumen

BATISTA, Marina Picazzio Perez et al. Reflexões sobre a realização de entrevistas com viúvas enlutadas em pesquisas qualitativas. Cad. Bras. Ter. Ocup. [online]. 2018, vol.26, n.4, pp.797-808. ISSN 2526-8910.  http://dx.doi.org/10.4322/2526-8910.ctoao1571.

Introdução:

Considerando que os enlutados são uma população mais vulnerável, é importante compreender os aspectos que se referem à realização de estudos qualitativos com esta população.

Objetivo:

Este artigo abordou uma reflexão sobre a realização de entrevistas com viúvas em processo de luto.

Método:

Realizou-se um estudo qualitativo, do tipo exploratório e descritivo, realizado com mulheres cujos cônjuges haviam falecido no período de dois a seis meses em decorrência de câncer. Todos os cônjuges tinham mais de 60 anos, e foram atendidos pela equipe de cuidados paliativos, no período de maio a outubro de 2015. As viúvas que aceitaram participar do estudo foram convidadas para uma entrevista individual. Para a sua condução foi utilizado um roteiro semiestruturado. O conteúdo das entrevistas foi gravado, transcrito e analisado pelo processo de codificação, gerando temas abrangentes.

Resultados:

As viúvas em luto citaram alguns benefícios por terem participado das entrevistas, tais como: primeira oportunidade para falar sobre sua perda; possibilidade para partilhar seus sofrimentos, trazendo certo alívio; maior confiança em suas capacidades; fortalecimento individual por falar do dia a dia; e também reflexão sobre o modo de viver seu cotidiano.

Conclusão:

A realização de entrevistas com enlutados favoreceu a escuta atenta e sem interrupção, permitindo-lhes partilhar suas experiências. De acordo com os benefícios apontados pelas viúvas no compartilhamento de suas vivências - no contexto de uma pesquisa qualitativa com entrevistas - foi possível inferir sobre a relevância da disponibilização de serviços de apoio ao luto, e também de favorer espaços de partilha aos enlutados em conformidade com suas demandas singulares.

Palabras clave : Pesquisa Qualitativa; Entrevista; Luto; Viuvez.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )