SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.2 número4Pain: the impulse in the search for health by means of integrative and complementary practicesClinical manifestations in patients with musculoskeletal pain post-chikungunya índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


BrJP

versión impresa ISSN 2595-0118versión On-line ISSN 2595-3192

Resumen

OKAMURA, Mirna Namie; MADEIRA, Wilma; GOLDBAUM, Moisés  y  CESAR, Chester Luiz Galvão. Dor nas costas em adolescentes: prevalência e fatores associados. BrJP [online]. 2019, vol.2, n.4, pp.321-325.  Epub 02-Dic-2019. ISSN 2595-3192.  https://doi.org/10.5935/2595-0118.20190059.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS:

Dor nas costas é uma das dores mais comuns do ser humano. Afeta a saúde e a qualidade de vida, podendo ser incapacitante. Doenças detectadas na adolescência e mal manejadas podem se agravar na vida adulta. O objetivo deste estudo foi estimar a prevalência, fatores associados e características de dor nas costas em adolescentes da cidade de São Paulo.

MÉTODOS:

Estudo transversal de base populacional - Inquérito de Saúde da Capital 2015, com 539 adolescentes de ambos os sexos e entre 15 e 19 anos. As informações foram coletadas por meio de entrevistas domiciliares e os participantes foram selecionados a partir de amostragem probabilística. Frequências, teste do Qui-quadrado e análise de regressão logística foram utilizados na análise. O nível de significância adotado foi 5%.

RESULTADOS:

A prevalência estimada de dor nas costas em adolescentes da cidade de São Paulo foi de 22,4%. Dor nas costas em adolescentes apresentou fatores associados com: tontura (OR 3,1), transtorno mental comum (OR 2,4), insônia (OR 2,6) e realizar atividades físicas domésticas (OR 1,8). Na busca por alívio da dor, 46,6% dos adolescentes não fazem nada, 17,3% buscam automedicação e 8,9% usam fármaco prescrito.

CONCLUSÃO:

Entender a dor nas costas como um problema de saúde pública obriga a pensar em estratégias que permitam compreender origens, fatores associados e estratégias de enfrentamento que podem influenciar novas formas de priorizar e organizar a atenção à saúde.

Palabras clave : Adolescente; Dor lombar; Dor nas costas; Estudos transversais; Prevalência.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés | Portugués     · Inglés ( pdf ) | Portugués ( pdf )