SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número1Occurrence of sterile spikelets in wheat in São Paulo stateStudy of some characteristics of soil water with monolith lysimeters índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Bragantia

versión On-line ISSN 1678-4499

Bragantia vol.35 no.1 Campinas  1976

http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87051976000100011 

Melhoramento do limoeiro-taiti por seleção de clones

 

Tahiti lime breeding through clonal selection

 

 

J. O. FigueiredoI, *; O. RodriguezI, *; J. Pompeu Jr.I, *; J. Teófilo Sob.°II, *; A. A. SalibeIII; E. AbramidesIV, *

ISeção de Citricultura
IIEstação Experimental de Limeira
IIISeção de Citricultura
IVSeção de Técnica Experimental e Cálculo, Instituto Agronômico

 

 


SINOPSE

Neste trabalho são relatados os resultados de produção e vigor das plantas em um experimento de competição de seis clones de limoeiro-taiti (Citrus latifolia Tanaka) enxertados no porta-enxerto limoeiro-cravo (Citrus limonia Osbeck).
Os resultados de seis anos consecutivos mostraram que o clone IAC 5 foi o mais produtivo superando, em média, todos os outros nas colheitas de janeiro, julho e outubro. Em segundo lugar colocou-se o IAC 2, cuja produção máxima se localizou, porém, no mês de abril, quando os preços do mercado são os mais baixos. O IAC 6 foi inferior a todos. Os clones IAC 1, IAC 3 e IAC 4, comportaram-se de maneira intermediária e a distribuição da produção do IAC 1 foi a mais favorável.
O clone IAC 5 foi também o mais vigoroso e não apresentou fissuras na casca do tronco e dos ramos. IAC 2 foi o clone de menor vigor e juntamente com IAC 1 e IAC 6, o mais suscetível à incidência de fissuras.


SUMMARY

Six selected clones of Tahiti lime (Citrus latifolia Tanaka) were evaluated in a field trial at the Estação Experimental de Limeira for fruit production and plant vigor, during six consecutive years.
All six clones had the Rangpur lime (Citrus limonia Osbeck) as rootstock.
The relationship between monthly fruit price and seasonal yield data was also investigated.
The clone IAC 5 showed the highest yield in January, July, and October when Tahiti lime price is maximum. This selection had the most vigorous plants with absence of cracks in the bark of the trunk and branches.
The least vigorous material was the IAC 2 selection with a top yield in April, when fruit price is minimum. The clones IAC 1, IAC 3, and IAC 4 showed intermediate production while IAC 6 revealed the lowest yield.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

LITERATURA CITADA

1. MOREIRA, S. A quick field test for exocortis. In: Price, W. C, ed. Proc. 2nd Conf. Intern. Organization Citrus Virologists. Gainesville, Univ. Florida Press, 1961. p.40-42.         [ Links ]

2. SALIBE, A. A. & ROESSING, C. Melhoramento do limão Tahiti (Citrus latifolia Tanaka). Ciência e Cultura 17(2):189, 1965. (Resumo)        [ Links ]

3. ______ & MOREIRA, S. Lime bark disease is caused by exocortis virus. In: Price, W. C, ed. Proc. 3rd Conf. Intern. Organization Citrus Virologists. Gainesville, Univ. Florida Press, 1965. p.143-147.         [ Links ]

 

 

Recebido para publicação em 2 de outubro de 1975.

 

 

* Com bolsa de suplementação do C.N.Pq.