SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.55 issue2Host suitability of pineapple varieties for meloidogyne incognita race 1Occurrence of Serratia marcescens bizio on Heliothis virescens (Fabr.) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Bragantia

Print version ISSN 0006-8705On-line version ISSN 1678-4499

Bragantia vol.55 no.2 Campinas  1996

http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87051996000200012 

II. GENÉTICA E MELHORAMENTO DE PLANTAS

 

Efeito de inseticidas sistêmicos aplicados no solo na produção do feijoeiro

 

Common bean yielding components affected by systemic insecticide application

 

 

Germano Leao Demolin Leite; Marcelo Picanço; Nuno Rodrigo Madeira; José Cola Zanuncio

Departamento de Biologia Animal, Universidade Federal de Viçosa, 36571-000 Viçosa (MG)

 

 


RESUMO

Este trabalho objetivou o estudo dos componentes de produção na cultura do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.), quando se utilizaram os inseticidas sistêmicos Aldicarb 150 G (6 kg/ha) e Fosthiazate 100 G (10, 20, 30 e 40 kg/ha), além da testemunha. A pesquisa foi desenvolvida na Universidade Federal de Viçosa, Viçosa (MG), em abril-julho de 1994. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com quatro repetições, sendo a unidade experimental constituída de 500 plantas. Avaliaram-se altura das plantas, número de nós, mortalidade de plantas, número de flores, vagens, óvulos e grãos danificados (identificando-se os causadores dos danos). Foi estimada a produtividade média de cada tratamento, as perdas ocorridas e suas causas. A partir desses dados, confeccionou-se tabela de vida para a cultura. Não se verificou efeito dos inseticidas Aldicarb e Fosthiazate quanto à altura e ao número de nós das plantas de feijoeiro. O componente de produção que mais sofreu perdas foi a vagem devido ao ataque de Etiella zinckenella (Treitschke) (Lepidoptera: Pyralidae)] seguido da mortalidade de plantas na fase vegetativa e grãos (pelo ataque do fungo Colletotrichum lindemuthianum). A flutuação de perdas totais foi mais influenciada pela mortalidade de plantas seguida pelo abortamento de flores. Ocorreu menor mortalidade de plantas na fase vegetativa com o aumento na dosagem de Fosthiazate.

Termos de indexação: Phaseolus vulgaris L., tabela de vida, Etiella zinckenella, Aldicarb, Fosthiazate.


ABSTRACT

The main purpose of this research work carried out in 1994 at the Federal University of Viçosa, State of Minas Gerais, Brazil, was to determine the effects of systemic insecticides on several common bean (Phaseolus vulgaris L.) yielding components. Life tables have been developed based on mortality rates as well as the effects of soil application of systemic insecticides on several traits (plant height and plant mortality; nodule, flower and bean average numbers; percentage of damaged grains). Aldicarb 150 G and Phostiazate revealed no significant effects on plant height and average nodule number. The highest damage levels were recorded in beans - infestation by Etiella zinckenella (Treitschke) (Lepidoptera: Pyralidae); due to high plant mortality rates during the vegetative period and to grain losses (caused by Colletotrichum lindemuthianum). Total damage was primarily due to flower abortion.

Index terms: Phaseolus vulgaris L., life tables, Etiella zinckenella, Aldicarb, Phostiazate.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BARRIGOSSI, J.A.F.; CHANDLER, L. & LOPES, N.F. Resposta fisiológica do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) ao forate e suas conseqüências entomológicas. III. Efeito sobre as pragas e produção no plantio das "águas". Revista Ceres. Viçosa, 35(200):355-369, 1988a.        [ Links ]

BARRIGOSSI, J.A.F; CHANDLER, L. & LOPES, N.F. Resposta fisiológica do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) ao forate e suas conseqüências entomológicas. IV. Efeito sobre as pragas e produção no plantio da "seca". Revista Ceres, Viçosa, 35(200):370-387. 1988b.        [ Links ]

BARRIGOSSI, J.A.F.; LOPES, N.F & CHANDLER, L. Resposta fisiológica do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) ao forate e suas conseqüências entomológicas. II. Crescimento, morfologia, partição de assimilados e produção de matéria seca das plantas. Revista Ceres, Viçosa. 35(200):341-354, 1988c.        [ Links ]

CASTELLANE, P.D.; VIEIRA, R.D. & CARVALHO, N.M. de. Feijão-de-vagem (Phaseolus vulgaris L.): cultivo e produção de sementes. Jaboticabal, FCAV/UNESP, 1988. 60p.        [ Links ]

CHANDLER, L. Annual Report for 1976. Goiânia, USAID/EMBRAPA-CNPAF/PURDUE, 1977. 47p.        [ Links ]

CHANDLER, L. Crop life table studies of the pests of beans (Phaseolus vulgaris L.) at Goiânia-GO. Revista Ceres, Viçosa, 31(176):284-298, 1984.        [ Links ]

DELLA LUCIA, T.M.C. & CHANDLER, L. Tabela de vida das culturas aplicadas às pragas de Phaseolus vulgaris L. sob tratamento com carbofuran em quatro níveis de adubação NPK. Revista Ceres, Viçosa, 32(181):227-251, 1985.        [ Links ]

DELLA LUCIA, T.M.C.; CHANDLER, L.; CASALI, V.W.D.; GALVÃO, J.D.; FREIRE, J.A.H. & COSTA, L.M. da. Aplicação da tabela de vida das culturas às pragas de Phaseolus vulgaris L., em quatro níveis de adubação. II. Em áreas de baixa fertilidade. Revista Ceres, Viçosa, 31(178):444-463, 1984.        [ Links ]

HARCOURT, D.G. Crop life tables as a pest management tool. Canadian Entomologist, Oxford, 102(8): 950-955, 1970.        [ Links ]

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Anuário estatístico do Brasil. Rio de Janeiro, 54(1):19, 1994.        [ Links ]

PICANÇO, M.C. Entomofauna e danos das pragas associadas à cultura de ervilha (Pisum sativum L.), em quatro épocas de plantio e 54 variedades. Viçosa, 1992. 310p. Tese (Doutorado) - UFV, 1992.        [ Links ]

VARLEY, G.C. & GRADWELL, G.R. Key factors in population studies. Journal of Animal Ecology, Oxford, 29(2):399-401, 1960.        [ Links ]

 

 

Recebido para publicação em 7 de março e aceito em 12 de julho de 1996

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License