SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.49 issue1A enfermeira e a sua concepção de corpo no processo de trabalho hospitalarPerfil demográfico e sócio-econômico do estudante de enfermagem da UECE author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Enfermagem

Print version ISSN 0034-7167

Rev. bras. enferm. vol.49 no.1 Brasília Jan./Mar. 1996

http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71671996000100010 

ARTIGOS

 

Desenvolvendo tecnologia para prevenção e tratamento de emergências domésticas para cegos1

 

 

Lorita Marlena Freitag PagliucaI; Estevânia Martins CostaII; Nágela Maria CostaIII; Kelly Monte SousaIV

IProfessora Titular de Enfermagem Fundamental do Departamento de Enfermagem/UFC. Coordenadora do Projeto Saúde Ocular. financiado pelo CNPq
IIEnfermeira, bolsis de apoio à pesquisa CNPq
IIIAluna do Oitavo Semestre do Curso de Enfermagem da UFC. Bolsista de Iniciação Científica do CNPq
IVAluna do Oitavo Semestre do Curso de Enfermagem da UFC. Bolsista de Extenção

 

 


RESUMO

O aprimoramento do desenvolvimento dos órgãos dos sentidos se dá pela percepção de estímulos do meio, o que leva o homem à apreensão do conhecimento. A pessoa privada da visão conta com seus sentidos remanescentes para sua relação com o que a rodeia. O cego está sujeito a emergências domésticas, comuns a todas as pessoas, mas tem dificuldades de acesso a processos educativos que abordem a prevenção e tratamento destas emergências. Em um Curso de Prevenção e Tratamento de Emergências Domésticas para Cegos, desenvolveu-se tecnologia pedagógica abordando anatomia e fisiologia dos sistemas esquelético, circulatório e pulmonar, além da prevenção e tratamento para desobstrução das vias aéreas, parada cardio-pulmonar, queimaduras, choque elétrico, traumas, hemorragias, envenenamentos, desmaios, convulsões e uso de medicação oral. Utilizou-se esqueleto humano, manequim, moldes, papéis, tubos de plástico e borracha e, principalmente, comunicação verbal e táctil. Os conteúdos transmitidos foram aplicados em situações simuladas. A tecnologia mostrou-se eficaz pela capacidade demonstrada pelos cegos através da verbalização e repetição dos procedimentos.

Unitermos: Emergências Domésticas - Cegos - Tecnologia Educativa.


ABSTRACT

The improvent of the development in the sensitive organs is given by the process of perceiving what his taken the man to the acquaintance apprehension. The blind man runs a risk of household incident, that is common to all the normalpeople, but he has no acess to educacional process about prevención and attendance of these incidents. In a prevention and attendance course for blind people we have developed a pedagogic know-how about anatomy and phisiology of the skeleton, circulation of the blood e respiratory sistem, xonder prevention and treatment, for clearance, heart attack and respiratory stop,burned people, eletrical shock, traumatism, hemorrhage, intoxication, collapse, spasm and oral medication.We have employed the human skalfton, mannequin, mould, paper, plastic tubes and mainay verbal communication and touchig.The instructeo contents has been applied in simulation. The know-how has shown efficiency about to be able and it has indicated by the blind people into verbalization and repetition of the proceeding and exercise.

Keyword: House hold incident, Blind - Tecnological Development.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

BIBLIOGRAFIA

1. ARAUJO, Maria J.B. Técnicas Fundamentais de Enfermagem. Rio de Janeiro:Bezerra de Araujo, 1983,p389-453.         [ Links ]

2. ASTORINO, Oswaldo; ITACARAMBI, Ruth Ribas. Novíssimo Manual do Estudante. Sem local e data, Editora Parma.         [ Links ]

3. BRASIL, Ministério da Saúde. Padrões Mínimos de Enfermagem em Recuperação da Saúde: Informes Finais. Brasília: OPAS/OMS, 1978,p25-38.         [ Links ]

4. DAVIS, Flora. A comunicação Não Verbal. São Paulo: Editora Sumus, 1979,196p.         [ Links ]

5. LOPEZ, Mário. Emergências Médicas. Rio de Janeiro. Guanabara Koogan. 1984.         [ Links ]

6. PAGLIUCA, Lorita Marlena Freitag. Assistê ncia de Enfermagem ao Deficiente Visual : Aplicação da Teoria das Necessidades Humanas Básicas a Pacientes com Indicação de Transplante de Córnea. Fortaleza, Universitaria, 1993. 125p.         [ Links ]

7. ______A Arte da Comunicação na Ponta dos Dedos - A pessoa Cega. Simpósio Brasileiro de Comunicação em Enfermagem. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto. 1994         [ Links ]

8. SECRETARIA DE SAÚDE DE ESTADO DO CEARÁ - THE COMMITEE ON ALLIED HEALTH. Tradução de Lis Araújo Zin. Supervisão de Walter Zin. Socorros Médicos de Emergência. Fortaleza, 1988.         [ Links ]

 

 

1 Trabalho premiado no 48º CBEn-Goiânia.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License