SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.53 issue4Reflecting on the history of psychiatric careMaria Aparecida Minzoni's contribution to the Brazilian psychiatric nursing author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Enfermagem

Print version ISSN 0034-7167

Rev. bras. enferm. vol.53 no.4 Brasília Oct./Dec. 2000

http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672000000400016 

RELATO DE EXPERIÊNCIA

 

AIDS/educação e prevenção: proposta metodológica para elaboração de jogos educativos1

 

AIDS/education and prevention: a methodological proposal for the elaboration of educational games

 

SIDA/educación y prevención: propuesta metodológica para la elaboración de juegos educativos

 

 

Maria Fátima Maciel AraújoI; Maria Irismar de AlmeidaII; Raimunda Magalhães da SilvaIII

IEnfermeira. Professora do Departamento de Enfermagem/UFC. Mestre em Saúde Pública. Doutoranda em Enfermagem
IIEnfermeira. Professora do Departamento de Saúde Pública/UECE. Mestre em Educação. Doutoranda em Enfermagem
IIIEnfermeira. Professora do Departamento de Enfermagem/UFC. Doutora em Enfermagem

 

 


RESUMO

Potencializar recursos educativos para mediar ações de educação em saúde, na prevenção da AIDS tem se constituído um desafio para educadores de saúde. Pela inegável importância desse tipo de material nos espaços propiciadores de aprendizagem, surgiu a proposta com o objetivo de criar um percurso metodológico para elaboração de jogos educativos, com vistas a mediar processos de educação e prevenção do HIV/AIDS. O estudo se desenvolveu a partir das idéias contidas nos pressupostos da problematização, adaptadas do "método do arco" de Charles Maguerez, com operacionalização em instituições públicas de saúde e educação, no Estado do Ceará, englobando uma população de escolares (180) na faixa etária de 13 a 19 anos, no período de 1995 a 1997. A coleta de dados se deu durante a realização de 04 oficinas, de acordo com o esquema elaborado. Os resultados envolvendo o significado do jogo, ambiente onde se insere e realidade social com abrangência dos sujeitos durante as jogadas, foram problematizados pelos adolescentes e serviram para a formulação de 03 jogos educativos (memorAIDS, baralhAIDS e dominAIDS). As conclusões apontam a proposta como propiciadora do processo participativo, valorizando, em todo o seu percurso, o desenvolvimento da natureza intelectiva e empreendedora, pela mobilização de capacidades humanas e exercício de associações do universo de exigências relacionados à epidemia de AIDS. Por sua clareza, postulou-se, cientificamente, sua aceitação como percurso metodológico apropriado para elaboração de jogos educativos.

Palavras-chave: AIDS, jogos, educação e saúde, enfermagem


ABSTRACT

The development of educational resources to mediate actions in health education and AIDS prevention has been a challenge to health's educators. Due to the undeniable importance of this kind of material in environments favourable to learning, the authors created a methodological proposal to be used in the elaboration of educative games with the purpose of mediating educational measures and the prevention of HIV/AIDS. For theoretical framework, the study relied on the ideas/premises about problem solving, adapted from Charles Manguerez's "arch method", which where put into practice in public schools and health institutions in the state of Ceara, having as study population a group of students (180), aged 13 to 19 years, from the period of 1995 to 1997. Data collection occurred during four workshops, according to a predefined scheme. The results dealing with the meaning of the game, place of action and social environment were obtained from the teenagers while they were engaged in the games and further analysed by them, resulting in the formulation of (03) educative games (memor AIDS, baralhAIDS and dominAIDS). The authors conclude that the proposal is favourable to participatory action, encouraging during its entire process the development of intellectual and creative skills, by way of mobilizing human capacities and exercising associations related to the AIDS epidemic. Due to its clarity, the authors consider the proposal scientifically acceptable as a methodological guideline for the elaboration of educative games.

Keywords: SIDA, games, education, health, nursing


RESUMEN

Potenciar recursos educativos para mediar acciones de educación en salud en la prevención del SIDA se ha constituido un desafío para los educadores de la salud. Por la innegable importancia de ese tipo de material en los espacios que proporcionan ese aprendizaje, surgió la propuesta, con el objetivo de crear un recorrido metodológico para elaborar juegos educativos para intermediar procelos de educación y prevención del SIDA. El estudio se desarrolló a partir de los presupuestos de la problematización, que se adaptan al "método del arco" de Charles Maguerez, con operacionalización en instituciones públicas de salud y educación, en el Estado de Ceará, y engloban una población de escolares (180) entre los 13 y 19 años, desde 1995 hasta 1997. La recogida de datos ocurrió durante la realización de 04 oficinas, de acuerdo al esquema elaborado. Los resultados que involucraban el significado del juego, ambiente donde se insiere y realidad social de los sujetos involucrados durante las jugadas, fueron problematizados por los adolescentes y sirvieron para la formulación de 03 juegos educativos (memorSIDA, barajaSIDA y domiSIDA). Las conclusiones apuntan la propuesta como propiciadora del proceso participativo y valora, durante todo su percurso, el desarrollo de la naturaleza intelectiva y emprendedora, la mobilización de capacidades humanas y el ejercicio de asociaciones del universo de exigencias que se relacionan a la epidemia del SIDA. Por su claridad, se ha postulado científicamente su aceptación, como percurso metodológico apropiado para la elaboración de juegos educativos.

Palavras clave: SIDA, juegos, educación, salud, enfermería


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ARAÚJO, M. F. M. Na luta contra a AIDS. O jogo como esperança de vida. 1997. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza.         [ Links ]

ARAÚJO, M.F.M. et al. Como trabalhar com o método de oficinas. Pró-Reitoria de Extensão, Universidade Federal do Ceará/Universidade Estadual do Ceará         [ Links ]. Projeto de Extensão AIDS: Educação e Prevenção e Projeto de Pesquisa Saúde da Mulher no Cotidiano. Departamento de Enfermagem, 1998. Port Folio.         [ Links ]

BORDENAVE, J. D.; FERREIRA, A. M. Estratégias de ensino aprendizagem. Petrópolis: Vozes, 1998.         [ Links ]

CASTANHO, G.P. Jogos dramáticos com adolescentes. In: MOTTA S., (Org.) O Jogo no Psicodrama. São Paulo: Ágora, 1995.         [ Links ]

DATNER, Y. Jogando a aprendendo a viver. In: MOTTA, S. O Jogo no psicodrama. São Paulo: Ágora, 1995.         [ Links ]

GADOTTI, M. As muitas lições de Freire: poder, desejo e memórias de libertação. Porto Alegre: ARTMED, 1998.         [ Links ]

HUIZINGA, J. Homo ludens. O Jogo como elemento da Cultura. 4. ed. São Paulo: Perspectiva, 1996. p. 59,62.         [ Links ]

KISHIMOTO, T. M. O Jogo e a educação infantil. São Paulo: Pioneira, 1994.         [ Links ]

MONDIM, B. O Homem quem é ele? Elementos de antropologia filosófica. Tradução de Leal, Ferreira e Ferrari. São Paulo, 1980.         [ Links ]

ROSENTHAL, O,; SCHEFFER, M. O novo paciente terminal. Jornal Folha de São Paulo. Tendências e Debates. 24/07/2000.         [ Links ]

VENTURI, Z. Muitas idéias na cabeça. In: ______. 1968 o ano que não terminou. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1988.         [ Links ]

 

 

Recebido em outubro de 2000
Aprovado em março de 2001

 

 

1 Prêmio Zaira Cintra Vidal, 1º lugar, 52º CBEn.
2 Os jogos estarão disponíveis com a autora no endereço: Rua Dr. Ratisbona, 279, bairro Fátima, Fortaleza, CE. CEP 60411-220

 

 


ANEXO 1 - Clique para ampliar

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License