SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.55 issue5Risk facto rs for feet complication in people suffering from diabetes mellitusInterest demonstrated by schoolchildren and adolescents in relation to body function and sexuality author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Enfermagem

Print version ISSN 0034-7167

Rev. bras. enferm. vol.55 no.5 Brasília Sept./Oct. 2002

http://dx.doi.org/10.5935/0034-7167.20020068 

PESQUISA

 

A humanização no cuidado com o cliente cirúrgico1

 

The humanization of nursing with surgical clients

 

La humanización en el cuidado con el cliente de cirugía

 

 

Rosemari Ferigolo MedinaI ; Vânia Marli Schubert BackesII

IEnfermeira assistencial do Hospital Guarnição de Santa Maria/RS. Especialista em Projetos Assistenciais em Enfermagem - ESPENSUL/UFSM
IIDoutora em Enfermagem, professora Adjunta do Departamento de Enfermagem da UFSM. Membro do GEPES/UFSM. Orientadora do trabalho

 

 


RESUMO

A compreensão e o respeito ao ser humano na sua individualidade, a preocupação com seus sentimentos, desejos e direitos e a busca pela melhora no cuidado com vistas à humanização na assistência ao cliente e familiar, orientou este trabalho respaldado na Teoria Humanística de Paterson & Zderad (1988), desenvolvido com quinze clientes cirúrgicos internados num Hospital de Santa Maria. O acompanhamento no pré-operatório procurou identificar e reduzir os fatores causadores de ansiedade, medo e desconfortos ocasionados frente à iminência do ato cirúrgico. Os elementos-chave utilizados, neste processo de humanização ao cliente e seu familiar, foram a capacidade de empatia e a comunicação, sendo esta, verbal ou não-verbal. A interação vivida junto aos clientes propiciou-nos unir o saber técnico (racionalidade instrumental) à subjetividade (intuição e afeto), desenvolvendo, desse modo, uma assistência de enfermagem diferenciada, com maior apoio e presença, orientação e reflexão e, segurança e conforto ao cliente (ser humano) assistido.

Palavras-chave: humanização, cliente cirúrgico, teoria humanística


ABSTRACT

The understanding and the respect of the Human Being as an individual, the preocuppation with his/her feelings, desires and rights, and the orientation for a qualified care towards the humanization in the attendance of the customer and family are the guidelines of this work, based on the Humanistic Theory of Paterson & Zderad (1988). The study was done with fifteen surgical patients interned in a Hospital in Santa Maria, Rio Grande do Sul. The accompaniment in the preoperative tried to identify and to reduce the factors responsible for anxiety, fear and discomfort caused by the imminence of the surgical act. The key-elements used in this humanization process regarding the client and his relatives, were the ability to empathize and verbal and non-verbal communication. The interaction experienced with the customers enabled us to assemble technical knowledge (instrumental rationality) and subjectivity (intuition and affection), developing a differentiated nursing assistance, with a stronger support and presence, orientation and reflection and, safety and comfort to the customer (the Human Being) attended.

Keywords: humanization, surgical customer, humanistic theory


RESUMEN

La comprensión y respeto al ser humano en su individualidad, la preocupación por sus sentimientos, deseos y derechos y la búsqueda por la mejoría en el cuidado, con vistas a la humanización en la asistencia al cliente y familiares ha orientado este trabajo respaldado por la Teoría Humanística de Paterson & Zderad (1988) y aplicado a quince clientes quirúrgicos ingresados en un hospital de Santa Maria. El acompañamiento durante el preoperatorio buscó identificar y reducir los factores que causan ansiedad, miedo y molestias frente a la aproximación de la cirugía. Los elementos-clave utilizados en dicho proceso de humanización al cliente y sus familiares, son la capacidad de empatia y la comunicación, tanto verbal como no-verbal. La interacción vivida junto a los clientes nos propició unir el saber técnico (racionalidad instrumental) a la subjetividad (intuición y afecto), y desarrollar, de esa forma, una asistencia de enfermería diferenciada con mayor apoyo y presencia, orientación y reflexión, y así, darle al cliente (ser humano) asistido, mayor seguridad y aliento.

Palabras clave: humanización, cliente quirúrgico, teoría humanística


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS

BARBOSA, S. de F. F. Indo além do assistir-cuidando e compreendendo experiência de conviver com o cliente internado em unidade de terapia intensiva. Florianópolis, 1995. 190 f. Dissertação (Mestrado em Assistência de Enfermagem) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1995.         [ Links ]

BECK, C. L. C. Sofrimento e esperança - vivências com familiares de pacientes internados em UTI. Florianópolis, 1996. 140 f. Dissertação (Mestrado em Assistência de Enfermagem) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1996.         [ Links ]

BRASIL. Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Enfermagem. Brasília: Resolução CNE/CES Nº 3, 07/11/01.         [ Links ]

MAGALHÃES, L. R. Aprendendo a lidar com gente: relações interpessoais no cotidiano. Salvador: Universidade Federal da Bahia, 1999.         [ Links ]

MINAYO, M. C. O Desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: HUCITEC-ABRASCO, 1992.         [ Links ]

MIRANDA, A.C.S. et al. Expectativas dos clientes hospitalizados frente ao relacionamento com a equipe de enfermagem. Rev. Bras. Enferm., Brasília, v. 50, n. 2, p. 183-196, abr./jun. 1997.         [ Links ]

PATERSON, J. ; ZDERAD, L. Humanistic Nursing. New York: National League for Nursing, 1988.         [ Links ]

PRAEGER, S.G.; HOGARTH, C. Josephine E. Paterson e Loretta T. Zderad. In: GEORGE, J.B. Teorias de Enfermagem: os fundamentos para a prática assistencial. Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.         [ Links ]

TRENTINI, M.; PAIM, L. Pesquisa em Enfermagem: uma modalidade convergente-assistencial. Florianópolis: Editora da UFSC, 1999.         [ Links ]

 

 

Recebido em 16/01/2002
Aprovado em 24/09/2002

 

 

1 Artigo extraído da Monografia de Especialização apresentada ao Curso de Especialização em Projetos Assistenciais em Enfermagem - CEPAE - ESPENSUL/UFSM
2 O cliente submetido a procedimentos cirúrgicos tem sido foco de inúmeros trabalhos científicos na enfermagem e veiculados em periódicos nacionais e internacionais, como forma de melhor entender e a atender as necessidades desse indivíduo na situação de cirurgia e hospitalização.
3 A humanização do cuidado em enfermagem tem motivado diversos estudos respaldados no olhar fenomenológico que busca compreender a essência dos fenômenos. Dentre eles situia-se o ser-cliente cirúrgico.
4 A formação do profissional em enfermagem crítico, reflexivo, ético-criativo, tem sido enfatizada na Enfermagem e encontrase consagrada nas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Graduação em Enfermagem (BRASIL, 2001).

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License