SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue3Quantificação e precificação de risco de crédito através do modelo de opçõesTerceirização em informática no Brasil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista de Administração de Empresas

Print version ISSN 0034-7590

Rev. adm. empres. vol.37 no.3 São Paulo July/Sept. 1997

http://dx.doi.org/10.1590/S0034-75901997000300007 

ECONOMIA DE EMPRESAS

 

Perfil da indústria de alimentos no Brasil: 1990-97

 

 

Geni Satiko Sato

Engenheira de Alimentos, Mestre em Economia Agrícola, Doutoranda em Administração de Empresas na EAESPI FGV e pesquisadora do Instituto de Economia Agrícola. Professora do Departamento de Administração Geral e Recursos Humanos da EAESP/FGV. E-mail: gsato@eaesp.fgvsp.br

 

 


RESUMO

Esta pesquisa sobre o perfil da indústria de alimentos no Brasil, no período de 1990 à 1995, observou uma participação superior do grupo de produtos de maior valor agregado, com destaque para os laticínios. Ocorreu também um aumento do consumo de alimentos propiciado pelo aumento da renda real dos trabalhadores após o Plano Real.

Palavras-chave: indústria de alimentos, desempenho de 1990 a 1995, produção.


ABSTRACT

The analysis of Brasil's food production performance from 1990 to 1995 period has shown a stronger participation of the higher added value products groups, being particularly noticeable that of the dairy products. In addition, a higher general consumption of food has been verified as a result of the increase in the real income of workers after the stabilization plan.

Key words: food industry, performance from 1990 to 1995, production.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

1. VEGRO, Celso L.R, & SATO, Geni S. Fusões e aquisições no setor de produtos alimentares. In: Revista de Informações Econômicas. São Paulo. v.25, n .5, maio/ 95, p. 9-21.         [ Links ]
2. CONJUNTURA ECONÔMICA. ago. 1996, p.36-9.
3. ABIA. O mercado brasileiro de alimentos industrializados. 1994, 65p.         [ Links ]
4. NEGRI NETO, COELHO, Paulo J. e MOREIRA, Irene R. Análise gráfica e taxa de crescimento. In: Revista de Informações Econômicas. v.23, n.10, p.99-10B, out. 1993.         [ Links ]
5. VICENCONTI, Paulo Eduardo V. O processo da industrialização brasileira. In: RAE-Revista de Administração de Empresas. São Paulo: Fundação Getúlio Vargas, v. 17, n.6, p. 33-43, 1977.         [ Links ]
6. LIMA, Beatriz Melo F. O setor de alimentos e a polftica industrial. In: Conjuntura Econômica. v. 33, n. 11, p, 48-58, novo 1979.         [ Links ]
7. RATINER, H. Gestão tecnológica. In: RAE-Revista de Administração de Empresas. V. 18, n.3, jul-set 1978; ABIA, 1986.         [ Links ]
8. POMERANZ, Lenina. A demanda de produtos alimentícios industrializados no Brasil. In: RAE-Revista de Administração deEmpresas, v.17, n. 6, p. 81-101, 1977.         [ Links ]
9. COUTINHO, Luciano e FERRAZ, João Carlos. Estudo da competitividade na indútria brasileira. São Paulo: Papirus, 1994, 509p.         [ Links ]
10. FOLHA DE S. PAULO. 25 ago. 1979.
11. ABIA. Op. cit., 1994.
12. Idem, ibidem.
13. GAZETA MERCANTIL. 15 fev. 1996, Caderno Finanças e Mercados.
14.GAZETA MERCANTIL, 30 jul. 1996.
15. TROCOLLl, Irene R. Alimentação: padrões de consumo no Brasil. In: Rev. Analysis, set /96, p. 13-15.         [ Links ]
16.A classe O tem renda anual familiar de US$ 356 a US$ 570, conforme TROCOLLI, Irene R. Op. cit.
17.GAZETA MERCANTIL. 03 jan. 1996.
18. POMERANZ, Lenina. Op. cit.
19. LIMA, Beatriz Melo F. Op. cit.
20. VERGO, Celso L. R. & SATO, Geni S. Op. cil.
21. EXAME, 26 set. 1979.
22. FARINA, Elizabeth M.M.Q. Estudo de caso 001.94 Sadia. 1994, 31p.         [ Links ]
23. 44,9% em 91; 44,2% em 1992; 18,6% em 1993, conforme EXAME: Maiores e Melhores, 1996, p. 12.
24. EXAME. 1992, p. 117
25. EXAME, 1993, p. 132