SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 issue3"In vitro" efficacy of a new antimicrobial agent (IMIPENEM) in pathogens isolated from hospitalized patients from several Medical Centers in BrazilAcute haemorrhagic conjunctivitis caused by coxsackievirus A24 (variant), in Belém, Pará, Brazil, 1987 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

On-line version ISSN 1678-9946

Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo vol.31 no.3 São Paulo May/June 1989

http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651989000300007 

ARTIGO ORIGINAL

 

Soroprevalência e fatores de risco para sífilis em população carcerária de Goiás(1)

 

Seroprevalence and risk factors for syphilis in prisoners in Goiás, Brazil

 

 

Ana Lúcia Sampaio Sgambatti de AndradeI; Celina Maria Turchi MartelliI; Luiz Carlos Silva SousaII; Marta Antunes de SousaIII; Fabio ZickerI

IDepartamento de Saúde Coletiva do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública da Universidade Federal de Goiás. Goiânia, Goiás, Brasil
IIHospital de Doenças Tropicais de Goiânia - Secretaria Estadual de Saúde (SUDS)
IIIBolsista do CNPq

Endereço para correspondência

 

 


RESUMO

Com o objetivo de dimensionar a prevalência da infecção pelo Treponema pallidum e determinar fatores de risco relacionados a soropositividade foram rastreados 299 presidiários no Centro Penitenciário de Atividades Industriais de Goiás (CEPAI-GO), 20 Km de Goiânia. O rastreamento sorológico foi realizado utilizando-se como critério de positividade, qualquer resultado sororeagente ao VDRL independentemente do título. Através de um questionário padronizado foram avaliados os seguintes fatores de risco: tempo de encarceramento, sinais e sintomas relativos às principais doenças sexualmente transmissíveis (DST), história de sífilis ou outras DST e práticas sexuais (homo/bissexualismo e número de parceiros). Foram calculados o valor preditivo positivo (VPP) e negativo (VPN) da história pregressa de sífilis obtida na anamnese. Uma soroprevalência global de 18,4% foi obtida, não havendo diferença entre as faixas etárias. O VPP do antecedente de sífilis foi de 26% significando que 74% dos indivíduos que referiram sífilis no passado não tiveram confirmação pelo VDRL. Entre os fatores de risco testados, a bissexualidade foi o único que apresentou associação estatisticamente significante com soropositividade (risco relativo 5,8 - LC 95% 1,2-16,0 p= 0,03). Foram discutidas as dificuldades metodológicas que poderiam ter influenciado nos resultados.

Unitermos: Rastreamento sorológico; Soroprevalência; Sífilis; Fatores de risco; Doenças sexualmente transmissíveis.


SUMMARY

A cross-sectional survey was carried-out among 299 prisoners in the Penitentiary Center of Industrial Activity of Goiás (CEPAIGO), to determine the seroprevalence to T. pallidum and to identify risk factors associated to seropositivity. The seropositivity criterion was a positive VDRL test at any titer. A questionnaire was applied to evaluate the following'risk factors: time of imprisonment, clinical evidence of sexually transmitted diseases (STD), history of syphilis or others STD, homo/bisexuality and number of sexual partners. The positive (PPV) and negative (NPV) predictive values of the history of syphilis were calculated. Seroprevalence of 18,4% was found and no difference was detected in the different age groups. The PPV of history of syphilis was 26% indicating that 74% of the individuals who have reported syphilis in the past presented a negative VDRL test. Among all the risk factors studied, homo/bisexuality was the only one with statistically significant association with seropositivity (relative risks 5.7-95% CL1.2-26, p = 0.03). The paper discusses the methodological problems related with the investigation.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1.  ANDRADE, A. L. S. S.; MARTELLI, C. M. T. & ZICKER, F. - Rastreamento sorológico em banco de sangue como indicador de morbidade populacional. Rev. Saúde públ. S. Paulo, 23: 20-25, 1989.         [ Links ]

2.  AZULAY, R. D.; RICART, J. C. C; MONTEIRO, C. A. A.; GRIPP, A. C; RODRIGUES, P. C; ZANON, U. & GAMEIRO, N. F. - Sífilis: inquérito sorológico em diferentes grupos sócio-econômicos na cidade de Niterói. Rev. Ass. méd. bras., 25: 85-86, 1979.         [ Links ]

3.  CUNHA, V. F.; CARVALHO, J. P. P. & BELDA, W. - Aspectos do problema da sífilis em duas unidades de atenção a gestantes na capital de São Paulo. An. bras, Derm., 58: 63-66, 1983.         [ Links ]

4.  DARROW, W. W.; BARRETT, D.; JAY, K. & YOUNG, A. - The gay report on sexually transmitted diseases. Amer. J. publ. Hlth., 71: 1004 1011, 1981.         [ Links ]

5.  DOLNIKOFF, M.; FARAH, A. C; KUPERMAN, J. L. & DELASCIO, D. - Incidência da sífilis na gravidez. J. bras. Ginec, 81: 261, 1976.         [ Links ]

6.  GOLDENBERG, P.; VAISMAN, E.; PORTO, J. A. de; SBRISSA, E.; NAGY, M. & LESER, W. P. - Coeficientes de positividade das reações de Wasserman e VDRL em convocados para Serviço Militar no estado de São Paulo de 1968 a 1971. Rev. Ass. méd. bras., 20: 265, 1974.         [ Links ]

7.  GOLDENBERG, P.; PARDO, R. M.; NETO, D. R.; RIBEIRO, S. A.; PERNAMBUCO, M. & YUNES, M. - A dimensão social das doenças. II - Positividade das reações de Wasserman e VDRL em convocados para o Serviço Militar no Estado de São Paulo (Brasil), de 1972 a 1978. Rev. Saúde públ. (S. Paulo), 16: 133-143, 1982.         [ Links ]

8.  GOMES, S. - Incidência de reações sorológicas positivas para sífilis na população carcerária de Niterói. Arq. bras. Med., 59: 275-278, 1985.         [ Links ]

9.  GOODHART, G. L. - Use and interpretation of serologic tests for the diagnosis of syphilis. Sth. med. J. (Bgham, Ala.), 76: 373-379, 1983.         [ Links ]

10. HARRIS, A.; ROSENBERG, A. A. & RIEDEL, L. M. - A microflocculation test for syphilis using cardiolipin antigen. Preliminary report. J. vener. Dis. Inform., 27: 169-174, 1946.         [ Links ]

11.  JUDSON, F. N.; PENLEY, K. A.; ROBINSON, M. E. & SMITH, J. K. -Comparative prevalence rates of sexually transmitted diseases in heterosexual and homosexual men. Amer. J. Epidem., 112: 836-843, 1980.         [ Links ]

12.  LEE, J. T. & SPARLING, F. - Syphilis. An algorithm. J. Amer. med. Ass., 242: 1187-1189, 1979.         [ Links ]

13.  MINISTÉRIO DA SAÚDE, DIVISÃO NACIONAL DE CONTROLE DE DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS - SIDA/AIDS & MINISTÉRIO DA JUSTIÇA, DEPARTAMENTO PENITENCIÁRIO - Recomendações preliminares para controle da infecção pelo HIV em presidiários. Brasília, 1987.         [ Links ]

14.  MOORE, J. E. & MOHR, C. F. - Biologically false positive serologic tests for syphilis. Type, incidence, and cause. J. Amer. med. Ass., 150: 467 473, 1952.         [ Links ]

15.  OATES, J. K. - Serological tests for syphilis and their clinical use. Brit. J. Hosp. Med., 13: 612-617, 1979.         [ Links ]

16.  PEREIRA, M. G. - Inquérito sorológico de sífilis em adultos: Planaltina, DF, Brasil, 1977. Rev. Saúde públ. (S. Paulo), 14: 358-365, 1980.         [ Links ]

17.  SITTART, J. A.; TA YAH, M. & SOARES, Z. - Incidência da sífilis no serviço de dermatologia do Hospital do Servidor Público do Estado de São Paulo. Rev. paul. Med., 101: 29-30, 1983.         [ Links ]

18.  TAKEDA, A. K.; NAKAMURA, P. M. & BARBOSA, S. F. C. - Estudo comparativo entre as reações de floculação, fixação de complemento, imunofluorescência indireta e micro-hemaglutinação passiva para sífilis. Rev. Inst. Adolfo Lutz, 39: 137-144, 1979.         [ Links ]

19.  THIN, R. N. & O'RORKE, C. M. - Results of serological test for syphilis among Gurkhas and other high risk groups. Genitourinary Med., 61: 33-35, 1985.         [ Links ]

 

 

Endereço para correspondência:
Dra. Ana Lúcia S. S. de Andrade.
Rua 1136, ffi 630 - Setor Marista.
CEP 74000 Goiânia, Goiás, Brasil.

Recebido para publicação em 17/11/1988

 

 

1 Trabalho financiado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde e CNPq.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License