SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue5Immune response in mice immunized with acidic antigenic fractions from Trypanosoma cruzi cytosolSusceptibility of planorbids from the metropolitan region of Belo Horizonte, MG (Brazil) to Angiostrongylus costaricensis (Nematoda, Angiostrongylidae) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

Share


Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo vol.34 no.5 São Paulo Sept./Oct. 1992

http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651992000500004 

ARTIGOS ORIGINAIS

 

Avaliação de massas específicas de cistos de Giardia duodenalis e Entamoeba coli

 

Evaluation of specific gravity of Giardia duodenalis and E. coli cysts

 

 

Maria da Luz Ribeiro MoitinhoI; Cláudio Santos FerreiraII

IDepartamento de Análises Clínicas, Universidade Estadual de Maringá, Paraná, Brasil
IIDepartamento de Parasitologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil

Endereço para correspondência

 

 


RESUMO

Cistos de Giardia duodenalis e Entamoeba coli foram observados quanto à flutuação em soluções de sacarose de massas específicas diversas (1.040, 1.050, 1.060, 1.070,1.080,1.090,1.100, 1.150,1.200 e 1.250 kg/m3), contidas em câmaras de contagem de 0,17 mm de altura. Contaram-se os cistos que flutuaram e os que sedimentaram tendo sido calculadas as porcentagens respectivas. As diferenças de flutuabilidade dos cistos de cada uma das espécies não foram consideráveis. Soluções de massa específica igual a 1.200 kg/m3 fizeram flutuar 88,49% dos cistos de G. duodenalis e 95,71% dos de E. coli. Os maiores valores de flutuabilidade estiveram associados à massa específica 1.250 kg/m3 e foram, respectivamente, 89,15% e 98,59% para cistos de G. duodenalis e de E. coli.

Unitermos: Flutuabilidade de cistos de protozoários; Coproscopia parasitológica; Giardia duodenalis; Entamoeba coli.


SUMMARY

Cysts of Giardia duodenalis and Entamoeba coli were observed as for flotability in sucrose solutions of different specific gravity, contained in counting-chambers of 0.17 mm height. The cysts that floated and those that sedimented were counted and then calculated the respective percentage. Flotability differences of the cysts of each species were not considerable. Solutions of specific gravity 1,200 kg/m3 made 88.49% of G. duodenalis cysts and 95.71% of E. coli cysts float. The greater values of flotability were associated to specific gravity 1,250 kg/m3 and were 89.15% and 98.59% for cysts of G. duodenalis and E. coli, respectively.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1. DAVID, E.D. & LINDQUIST, W.D. - Determination of the specific gravity of certain helminth eggs using sucrose density gradient centrifugation. J. Parasit., 68: 916-919, 1982.         [ Links ]

2. FERREIRA, C.S. & CARVALHO, M.E. - Gradientes de sacarose na separação de elementos parasitários. (Nota prévia). Rev. paul. Med., 77: 205, 1971.         [ Links ]

3. MOITINHO, M.L.R. - Discriminação de ovos de helmintos em gradientes de sacarose. São Paulo, 1980. (Dissertação de mestrado - Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo).         [ Links ]

4. MOITINHO, M.L.R. & FERREIRA, C.S. - Flutuabilidade de ovos de helmintos em gradientes de sacarose. I - Ovos de Ancylostomidae. An. Farm. Quim. S. Paulo, 24 (1-2): 15-18, 1984.         [ Links ]

5. MOITINHO, M.L.R.; FALAVIGNA, D.L.M. & DIAS, M.L.G.G. - Flutuabilidade de cistos de protozoários em gradientes de sacarose. Ciênc. Cult. Saúde, 7 (2): 27-30, 1986.         [ Links ]

6. SAWITZ, W.; TOBIE, J.E. & KATZ, G. - The specific gravity of hookworm eggs. Amer. J. trop. Med., 19: 171-179, 1939.         [ Links ]

7. SILVA, C.R.R. - Uso de câmaras para avaliação de massa específica de ovos de helmintos. São Paulo, 1984. (Dissertação de mestrado - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo).        [ Links ]

 

 

Endereço para correspondência:
Dr. Cláudio Santos Ferreira
Departamento de Parasitologia, Edifício Biomédicas II, Universidade de São Paulo
CEP: 05508, São Paulo, SP

Recebido para publicação em 3/2/1992
Aceito para publicação em 9/6/1992