SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue2NOVAS LOCALIDADES DE MUSGOS NOS ESTADOS DO BRASILBIOLOGIA DE ANOFELINOS AMAZÔNICOS. XV. LEUCINA AMINOPEPTIDASE EM ANOPHELES (NYSSORHYNCHUS) NUÑEZ-TOVARI; ONTOGENIA E VARIAÇÃO GENÉTICA author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Amazonica

Print version ISSN 0044-5967On-line version ISSN 1809-4392

Acta Amaz. vol.22 no.2 Manaus Apr./June 1992

http://dx.doi.org/10.1590/1809-43921992222228 

GENÉTICA

BIOLOGIA DE ANOFELINOS AMAZÔNICOS. XIV. ISOENZIMAS DE ESTERASE EM ANOPHELES TRIANNULATUS (NEIVA & PINTO, 1922)

Joselita Maria Mendes dos Santos 1  

Wanderli Pedro Tadei 2  

Eucléia P. Β. Contel 3  

1Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPA.

2Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPA/UNESP - Campus de São Jose do Rio Preto - SP.

3Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP, Campus de Ribeirão Preto - SP.


RESUMO

Foram estudadas populações de Anopheles triannulatus procedentes da hidrelétrica de Balbina (AM), quanto ao sistema das esterases, usando-se gel de poliacrilamida e como substrato α-naftil propionato A análise eletroforética possibilitou identificar seis zonas de atividade e o mecanismo de herança foi estudado para cinco loci que foram polimórficos. Foram detectados dois alelos para as esterases 1, 2 e 4 e três para as esterases 3 e 5, sendo todos de ação codominante. Os dados de frequências gênicas mostraram-se diferentes para os alelos em cada locus. Os valores de qui-quadrados para as frequências genotípicas evidenciaram que a população não está em equilíbrio para todos os loci, sendo as frequências observadas dos homozigotos superiores as esperadas. Esses resultados foram interpretados como decorrentes de alterações ambientais que estão ocorrendo na área em estudo.

ABSTRACT

The esterase system of populations of Anopheles triannulatus from the Balbina hydroeletric project were studied by polycrilamide gel electrophoresis, using α-naphtyl proprionate as enzyme substrate. The analysis revealed six zones of activity, and the mechanism of inheritance was studied for five polymorphic loci. Two aieles were detected for esterases 1, 2 and 4, and three for esterases 3 and 5, all being co-dominant. Genetic frequency data were different for the aleles at each locus, chisquared values for genotypic frequencies indicated that the population is not in equilibrium for all the loci, as homozygote frequencies were higher than expected. This was interpreted as being the result of environmental changes occuring in the study area.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Creative Commons License This is an Open Access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Commercial License, which permits unrestricted non-commercial use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited.