SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.51Multiplicações celulares e tumores induzidos por virus: o cancer como infecçãoSmallpox (Alastrim) in Paraguay: control of the 1947 epidemic as compared with typhoid fever, tetano and diphtheria author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Memórias do Instituto Oswaldo Cruz

Print version ISSN 0074-0276On-line version ISSN 1678-8060

Mem. Inst. Oswaldo Cruz vol.51  Rio de Janeiro Dec. 1953

http://dx.doi.org/10.1590/S0074-02761953000100023 

Estudos sôbre o complemento: I - Ação das radiações de Roentgen e ultravioleta

F. Rocha Lagôa

RESUMO

Foram procedidas verificações experimentais sôbre o complemento de vários animais (cão, coelho, cobaio, homem, cavalo e boi), visando se determinar a sensibilidade dos mesmos às radiações de Roentgen e ultravioleta. Foi verificado que a temperatura constante de + 10° C, os complementos examinados, não apresentam modificações mesmo após terem sofrido a ação de 112.500 r. Outrossim, o mesmo não acontece quando são êles submetidos às radiações ultravioleta, a inativação que então se processa, varia em tempo de acôrdo com o grau de diluição do complemento no momento da irradiação. A seguir, se demonstrou que a fração complementar sensível a essas radiações é a fração albumina termolabil (segundo componente C2). Os complementos, assim, inativados podem readquirir as suas propriedades mediante a adição da fração albumina proveniente de complemento íntegro, não irradiado. A fração regeneradora pode pertencer a complemento de animal da mesma espécie, e, em alguns casos, a espécies diversas. Assim, a fração albumina do complemento de cobaio, se mostrou capaz de regenerar o complemento inativado do próprio cobaio, do homem, do cão e, parcialmente, o do coelho, não sendo, no entanto ,regenerado por frações albumina originárias de complementos de nenhum dos referidos animais. A fração albumina do complemento humano se revelou capaz de regenerar o próprio complemento humano, o do boi e do cavalo, não sendo, no entanto, regenerado pela fração albumina íntegra proveniente de complemento dêsses dois animais.

ABSTRACT

Where realized experimental observations about some animals complements (dogs, rabbits,guines pigs, mens, horses and cows), verificated the action of roentgen radiations and ultraviolet radiations about than. It was found that the studied complements in constant temperature of 10°C, were not destroyed by the roentgen radiations (112.500 r). The same thing did not happen those submited under ultraviolet radiations, these were inactivitates. The time necessary for inativations, changes according with the degre of complements diluitions, when irradiateds. It was found afterwords that the destroyed fraction is- the albumin fraction (second component, C2). The complements so inativated might regenerate their properties by the adition of albumine fractions obtained of complements not irradiated. The regenerating fraction might belong to identical animals and some cases to animals of diferent species. The albumin fraction of guinea pig, complement regenerates the inactivated complements of guinea pig, man, dog and partial rabbits, but it is not regenerated by the albumine fractions of their complements. The albumin fraction of human complement regenerates the inativated complement of man, horse and cow, but it is not regenerated by the albumine fractions, of the last two animals.

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License