SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue1Surface application of lime under a no-tillage systemLegumes and mineral fertilizer as nitrogen sources to corn in tillage systems author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Ciência do Solo

On-line version ISSN 1806-9657

Rev. Bras. Ciênc. Solo vol.24 no.1 Viçosa Jan./Mar. 2000

https://doi.org/10.1590/S0100-06832000000100019 

SEÇÃO VI - MANEJO E CONSERVAÇÃO DO SOLO E DA ÁGUA

 

Crescimento e acúmulo de nutrientes por plantas espontâneas e por leguminosas utilizadas para adubação verde(1)

 

Biomass productivity and nutrient accumulation by spontaneous and leguminous species used for green manure

 

 

C. FaveroI; I. JuckschII; L. M. CostaII; R. C. AlvarengaIII; J. C. L. NevesII

IDoutorando em Solos e Nutrição de Plantas na Universidade Federal de Viçosa - UFV. e-mail: clf@solos.ufv.br CEP 36571-000 Viçosa (MG)
IIProfessor do Departamento de Solos da UFV. CEP 36571-000 Viçosa (MG)
IIIPesquisador da Embrapa Milho e Sorgo. Cx. Postal 151, CEP 35701-970 Sete Lagoas (MG)

 

 


RESUMO

As espécies vegetais espontâneas, nas áreas de cultivo agrícola, têm sido tratadas como "plantas daninhas", "ervas invasoras", "inços" e outras denominações, do ponto de vista dos prejuízos que podem acarretar às espécies cultivadas. No entanto, as espontâneas podem promover os mesmos efeitos de proteção do solo e ciclagem de nutrientes que espécies cultivadas ou introduzidas para adubação verde. O crescimento e o acúmulo de nutrientes pela parte aérea de espontâneas e de leguminosas utilizadas como adubos verdes foram medidos em um experimento de campo em Sete Lagoas (MG), na Embrapa Milho e Sorgo. O experimento consistiu de cinco espécies de leguminosas (feijão-de-porco, feijão-bravo do Ceará, mucuna-preta, lab-lab e guandu), submetidas a duas condições de manejo (com e sem capina), e uma testemunha (somente espontâneas). No florescimento das leguminosas, foram obtidos a massa da matéria seca e o teor de nutrientes da parte aérea de cada espécie de leguminosa e das espontâneas presentes nas parcelas. O sistema com apenas as espontâneas produziu menos biomassa e acumulou menos nutrientes que os sistemas com leguminosas. Foram poucas as espontâneas que apresentaram teores de carbono, cálcio e nitrogênio próximos ou superiores aos das leguminosas. No entanto, para potássio, magnésio e fósforo, ocorreu o inverso. A maioria das espontâneas apresentou teores de potássio, magnésio e de fósforo superiores aos das leguminosas, destacando-se: Portulaca oleracea, Euphorbia heterophylla, Bidens pilosa, Commelina benghalensis e Melanpodium perfoliatum.

Termos de indexação: produtividade de biomassa, ciclagem de nutrientes, invasoras.


SUMMARY

Spontaneous plant species in agricultural areas have been regarded as weeds, invasive or unwanted plants, when considering the damages that they can bring to cultivated species. However, spontaneous species can bring about the same effects of soil protection and nutrient cycling that cultivated or introduced species used for green manure do. Biomass productivity and nutrient accumulation for the aerial part of spontaneous and leguminous plants used as green fertilizers were measured at the experimental station Embrapa Corn and Sorghum, in Sete Lagoas, Minas Gerais (Brazil). The experiment comprised five leguminous species (Canavalia ensiformes, Canavalia brasiliensis, Mucuna aterrima, dolichos lablab and Cajanus cajan) tested in two growing conditions (with and without weeding), and a control (only spontaneous species). At flowering of the leguminous species, dry matter and nutrient level of the aerial part, for each leguminous and spontaneous species present in the parcels, were obtained. The system which had only spontaneous species produced less biomass and accumulated less nutrient than the systems with leguminous species. Few spontaneous species presented carbon, calcium and nitrogen levels which were close to or larger than the leguminous one. However, the inverse occurred for potassium, magnesium and phosphorus. Most spontaneous species presented potassium and magnesium levels, and several of them, phosphorus levels , larger than the leguminous ones. With regard to levels of phosphorus, potassium and magnesium, the following spontaneous species stood out: Portulaca oleracea, Euphorbia heterophylla, Bidens pilosa, Commelina benghalensis and Melanpodium perfoliatum.

Index terms: biomass productivity, nutrient cycling, invasive.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

LITERATURA CITADA

ALVARENGA, R.C.; COSTA, L.M.; MOURA FILHO, W. & REGAZZI, A.J. Características de alguns adubos verdes de interesse para a conservação e recuperação de solos. Pesq. Agropec. Bras., 30:175-185, 1995.         [ Links ]

COSTA, M.B.B. Adubação verde no sul do Brasil. Rio de Janeiro, AS-PTA, 1993. 346p.         [ Links ]

DE-POLLI, H. & CHADA, S.S. Adubação verde incorporada ou em cobertura na produção de milho em solo de baixo potencial de produtividade. R. Bras. Ci. Solo, 13:287-293, 1989.         [ Links ]

JACKSON, M.L. Soil chemical analysis. New Jersey, Prentice-Hall, 1958. 498p.         [ Links ]

KIEHL, E.J. Contribuição para o estudo da poda e da decomposição de adubos verdes. Piracicaba, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, 1960. 113p. (Tese de Livre Docência)        [ Links ]

LATHWELL, D.J. Legume green manure. Principles for management based on recent research. Soil Management Collaborative Research Support Program, 1990. 30p. (Trop Soils Bulletim, 90-01)        [ Links ]

LORENZI, H. Inibição alelopática de plantas daninhas. In: FUNDAÇÃO CARGIL. Adubação verde no Brasil. Campinas, 1984. p.183-198.         [ Links ]

MAGALHÃES, A.C. Efeito inibidor de extratos de plantas de feijão-de-porco sobre o desenvolvimento da tiririca. Bragantia, 23:29-34, 1964.         [ Links ]

MAGALHÃES, A.C. & FRANCO, C.M. Efeito do extrato de nódulos de raízes de feijão-de-porco sobre o desenvolvimento de tubérculos de tiririca. In: SEMINÁRIO BRASILEIRO DE HERBICIDAS E ERVAS DANINHAS, 4., Rio de Janeiro, 1960. Anais. Rio de Janeiro, Sociedade Brasileira de Plantas Daninhas, 1960. p.59-63.         [ Links ]

MAGALHÃES, A.C. & FRANCO, C.M. Toxicidade do feijão-de-porco sobre a tiririca. Bragantia, 21:53-58, 1962.         [ Links ]

MANHÃES, M.S. & CRUZ FILHO, D.J. Avaliação dos rendimentos de leguminosas para adubação verde na zona canavieira do estado de São Paulo. Saccharum, 6:40-44, 1983.         [ Links ]

MEDEIROS, A.R.M. Determinação de potencialidades alelopáticas em agroecossistemas. Piracicaba, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, 1989. 92p. (Tese de Doutorado)        [ Links ]

NEME, N.A. Leguminosas para adubos verdes e forragens. Campinas: Instituto Agronômico, 1949. 28p. (Boletim 109)        [ Links ]

NEME, N.A. Combate a tiririca. Agron., 12:5-6, 1960.         [ Links ]

NEME, N.A.; MIRANDA, H.S. & FORSTER, R. A ação da cultura do feijão-de-porco no combate a tiririca. In: CONGRESSO PAN-AMERICANO DE AGRONOMIA, 2., Piracicaba, 1954. Anais. Piracicaba, Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, 1954. p.261-262.         [ Links ]

PARYLAK, D. Uptake of nutrients by weeds and winter triticale at different development stages. Zeszyty Naukowe Akademii. Rolniczej W Szczecinie Rolnictwo, 58:185-188, 1994.         [ Links ]

QASEM, J.R. Nutrient accumulation by weeds and their associated vegetable crops. J. Hortic. Sci., 67:189-195, 1992.         [ Links ]

SCHAAFFHAUSEN, R.V. Recuperação econômica de solos em regiões tropicais através de leguminosas e microelementos. In: CONGRESO LATINO-AMERICANO DE BIOLOGIA DO SOLO, 2., Santa Maria, 1968. Anais. Santa Maria, Universidade Federal de Santa Maria, 1968. p 1-12.         [ Links ]

ZAGATTO, E.A.G.; JACINTHO, A.O.; REIS, B.F.; KRUG, F.J.; BERGAMIN FILHO, H.; PESSENDA, L.C.R.; MORTATTI, J. & GINÉ, M.F. Manual de análises de plantas e águas empregando sistemas de injeção em fluxo. São Paulo, Universidade de São Paulo, Centro de Energia Nuclear na Agricultura, 1981. 96p.         [ Links ]

 

 

Recebido para publicação em maio de 1999
Aprovado em fevereiro de 2000

 

 

(1) Parte da Tese de Mestrado do primeiro autor.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License