SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 issue1-2Effect of metribuzin, sprayed alone or in mixture with another herbicides, for weed control on young coffee trees, during two yearsHerbicides mixtures for the control of annual weeds in citrus crop (Citrus sinensis (L,) Osbeck) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Planta Daninha

Print version ISSN 0100-8358

Planta daninha vol.8 no.1-2 Viçosa Dec. 1985

http://dx.doi.org/10.1590/S0100-83581985000100005 

Aplicador de herbicidas com pavios de corda*: primeiros resultados de controle

 

Rope wick applicator for herbicides: 1. fistweed control results.

 

R.M. PrudenteI; T. MatuoII

IEngenheiro Agrônomo. Superintendência da Agricultura e Produção - SUDAP - Estação Experimental de Boquim. 49.360, Boquim, SE
IIProfessor Assistente Doutor. Faculdade de Ciências Agrarias e Veterinárias - UNESP. 14.780 - Jaboticabal, SP

 

 


RESUMO

Os aplicadores de herbicidas baseados em pavios de corda foram introducidos e largamente aceitos nos EUA a partir de 1978, devido a sua grande simplicidade, baixo custo operacional e economia do herbicida. Um protótipo fabricado com material inteiramente nacional, montado sobre duas rodas de bicicleta, tracionado pelo homem, tendo uma barra de 2 metros de comprimento, foi desenvolvido pelo departamento de defesa fitossanitária da Faculdade de Ciência Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal – UNESP e submetido a um ensaio preliminar. A área estava uniformemente coberta com vegetação natural, com altura média de 55 cm e a maioria das plantas daninhas em estádio de maturação das sementes. O aplicador foi deslocado à velocidade de 2,7 km/h, com consumo médio de 9,3 litros de calda por hectare, tendo aplicado diluições de glyphosate em água, nas proporções de 1:2, 1:4 e 1:6 (produto comercial: água) e comparado à pulverização convencional tratorizada, efetuada com velocidade de 4,2 km/h e consumo de 4 litros de produto comercial com 310 litros de água por hectare. As avaliações do controle foram efetuadas através da determinação da biomassa epígea por ocasião de aplicação aos 15 e 33 dias após , além da atribuição de notas aos 33 dias da aplicação. Os resultados mostraram-se promissores para o protótipo, que pode desde já ser considerado um precioso instrumento para o manejo de plantas daninhas. 

Palavras-chave: pavio de corda, herbicida, aplicador de herbicida.


ABSTRACT

Rope wick applicators were introduced and widely accepted in the U.S.A. since 1978 due to its simplicity, low operational cost and reduced amount of herbicide used. A first working built with material available in local market was assembled by the Department of Crop Protection of Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias – UNESP, Jaboticabal, Brazil, and preliminary results are reported in this paper. This model is mounted on two ordinary biclycle wheels , hand pulled, having 2 m wide boom with rope wicks. The experimental field was regular by covered with natural vegetation , average height of weeds about 55 cm, the majority of weeds in seed maturation state. Rope wick applicator was run at 2.7 km/h, consuming about 9.3 liters liquid per hectare. The dilution tested were 1:2, 1:4 and 1:6 (parts of commercial Roundup: parts of water ) and compared with conventional tractor boom sprayer applying 310 liters per hectare of solution containing 4 liters of commercial formulation, at the 4.2 km/h speed. Evaluations were carried out by assessing the top fresh weight of weeds at the application time and 15 and 33 days after. Score for weed control was attributed at 33 days after application. The results showed that the model of applicator tested has a good potentiality and it may be a valuable tool for the weed management. 

Keywords: rope-wick, herbicide, herbicide application.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

AGRADECIMENTOS

Os autores agradecem em especial ao técnico agrícola Gilson José Leite pela valiosa colaboração em todas as etapas de execução do ensaio; ao torneiro José Carlos Biondi pelas sugestões e auxílio na construção do protótipo; as Indústrias Monsanto S/A pelo apoio financeiro prestado. Agradecem também aos Srs. Ademar F. Minati e Manuel Chinelatto da Divisão Textil da Rhodia S/A e Tapetes S. Carlos Ltda, respectivamente pela colaboração prestada.

 

BIBLIOGRAFIA

Dale, J. E. A non-mechanical system of herbicide application a rope wick. PANS, 25(4): 431-436, 1979.         [ Links ]

Wills, G.D. & McWhorter, C. G. Developments in post-emergence  herbicides applicators. Outlook on Agriculture, 10 (7): 337-341, 1981.         [ Links ]

 

 

* Pavcord.