SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue4Estimação da oferta de trabalho das mulheres no BrasilCiclos clássicos num ambiente de racionalidade limitada author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Estudos Econômicos (São Paulo)

Print version ISSN 0101-4161On-line version ISSN 1980-5357

Estud. Econ. vol.33 no.4 São Paulo Oct./Dec. 2003

http://dx.doi.org/10.1590/S0101-41612003000400003 

A nova configuração regional brasileira e sua geografia econômica

 

 

Mauro Borges LemosI; Clelio Campolina DinizII; Leonardo Pontes GuerraIII; Sueli MoroIV

IProfessor do CEDEPLAR - FACE/UFMG
IIProfessor do CEDEPLAR - FACE/UFMG
IIISecretário Municipal de Modernização e Reforma Administrativa, Prefeitura de Belo Horizonte
IVProfessora do CEDEPLAR - FACE/UFMG

 

 


RESUMO

O objetivo deste trabalho é identificar a nova configuração regional brasileira,  procurando delimitar seus pólos econômicos e suas áreas de influência, como base para uma proposta de nova regionalização para o Brasil. Para isto, é construída uma metodologia específica, baseada na aplicação do Modelo Gravitacional, comumente usado em estudos espaciais, por meio do Sistema de Informações Geográficas - SIG. Este procedimento possibilita a identificação das regiões-pólos e suas áreas de influência, com base no potencial de interação econômica entre as unidades espaciais e na correspondente hierarquia de poder de atração econômica no espaço. As microrregiões geográficas (MRGs) do IBGE constituem a unidade espacial básica deste estudo, que se baseia nos microdados do Censo Demográfico de 1991. A base cartográfica digital foi a Malha Municipal Digital do Brasil, convertida para o Mapinfo. A regionalização final incorpora, em seus resultados, uma qualificação da fricção espacial.

Palavras-chave: economia regional, geografia econômica, regionalização econômica, sistema de informação geográfica (SIG), Brasil.


ABSTRACT

The aim of this paper is to identify the new regional pattern of the Brazilian economy by defining its economic poles and their areas of polarization, which will provide an economic regionalization for Brazil. The methodological tools to assign this objective will be an adapted version of the gravitational model using the Geographic Information System - GIS. This procedure will allow the identification of the influence areas for each regional pole, based on the potential interaction among the spatial units and their hierarchy in terms of economic power of attraction. The microregion of the Brazilian Statistics Bureau (IBGE) will be the spatial unit of this study, which will rely on microdata of the 1991 Demographic Census. The digital cartographic base is the Brazilian Municipal Digital Network converted into the MapInfo. The results will provide a hierarchical spatial structure of macro regions, mesoregions, microregions, and municipalities. In addition, we will make a basic economic characterization of the regions related to their agglomeration capability and economic activities.

Key words: regional economics, economic geography, economic regionalization, geographic information system (GIS), Brazil.

JEL Classification
R12.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ANDRADE, T.; SERRA, R. Estimativas para o Produto Interno Bruto dos municípios brasileiros: 1975, 1980, 1985 e 1996. Rio de Janeiro: IPEA, 1996, Mimeografado.         [ Links ]

CHRISTALLER, W. The central places in southern Germany. Englewood Cliffs, NJ: Prentice- Hall, 1966.         [ Links ]

DINIZ, C. C. Desenvolvimento poligonal no Brasil: nem desconcentração nem contínua polarização. Revista Nova Economia, Belo Horizonte,v. 3, n. 1, 1993.         [ Links ]

FERREIRA, C. M. de C. Um estudo de regionalização do Estado de Minas Gerais por meio de um modelo potencial. Belo Horizonte: CEDEPLAR, 1971.         [ Links ]

FUJITA, M.; KRUGMAN, P.; VENABLES, A. J. The spatial economy: cities, regions and international trade. Cambridge: MIT Press, 1999.         [ Links ]

IBGE. Censo demográfico: Brasil. Rio de Janeiro: IBGE, 1980, 1991.         [ Links ]

ISARD, W.; BRAMAHALL, D. F. Methods of regional analysis: an introduction to regional science. New York: Wiley, 1960.         [ Links ]

IPEA/IBGE/NESUR (IE-UNICAMP). Caracterização e tendências da rede urbana do Brasil. Volumes 1 e 2. Campinas: UNICAMP, 1999.         [ Links ]

LEMOS, Maurício B. Duas técnicas de análise regional elaboradas a partir de categorias espaciais: a regionalização e o método estrutural- diferencial. 1991. Tese de Professor Titular, Departamento de Ciências Econômicas, UFMG, Belo Horizonte.         [ Links ]

LEMOS, Mauro B.; DINIZ, C. C.; GUERRA, L. P., MORO, S. A nova geografia econômica do Brasil: uma proposta de regionalização com base nos pólos econômicos e suas áreas de influência. Anais do IX Seminário sobre a Economia Mineira (mesa especial), Diamantina, 2000.         [ Links ]

LOSCH, A. The economics of location. New Haven: Yale University Press, 1954.         [ Links ]

NORTH, D. C. Teoria da localização e crescimento econômico regional. In: SCHWARTZMAN, J. (org.), Economia regional: textos escolhidos. Belo Horizonte: CEDEPLAR/CETREDE - MINTER, 1977.         [ Links ]

PERROUX, F. L’économie du XXème siècle. Paris: PUF, 1961.         [ Links ]

RICHARDSON, H. W. Elementos de economia regional. Rio de Janeiro: Zahar, 1973.         [ Links ]

 

 

(Recebido em outubro de 2002. Aceito para publicação em julho de 2003).

 

 

Este trabalho é parte da pesquisa Dinâmica Demográfica, Desenvolvimento Regional e Políticas Públicas, financiada pelo PRONEX, Programa de Apoio a Núcleos de Excelência, consórcio CNPq/Capes/Finep. Nossos agradecimentos ao parecerista anônimo da Estudos Econômicos. Suas sugestões foram decisivas para o aprimoramento deste artigo.
Agradecemos aos assistentes de Pesquisa da Equipe Economia Regional/CEDEPLAR: Bernardo Palhares Campolina Diniz e Rodrigo Fortini Boschi (1999-2001); Rangel Galinari (2002-2003).
Endereço: CEDEPLAR/UFMG, Rua Curitiba 832 - CEP 30170-120, Belo Horizonte - MG, Tel.: (031) 279-90 83 e Fax :(031) 201-3657, e-mail: mbl@cedeplar.ufmg.br

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License