SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue4A nova configuração regional brasileira e sua geografia econômicaParidade do poder de compra no Brasil: 1968 a 1994 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Estudos Econômicos (São Paulo)

Print version ISSN 0101-4161On-line version ISSN 1980-5357

Estud. Econ. vol.33 no.4 São Paulo Oct./Dec. 2003

https://doi.org/10.1590/S0101-41612003000400004 

Ciclos clássicos num ambiente de racionalidade limitada

 

 

Jaylson Jair da Silveira

Professor do Departamento de Economia/Faculdade de Ciências e Letras/Campus de Araraquara/Universidade Estadual Paulista (UNESP)

 

 


RESUMO

O presente trabalho toma como ponto de partida o modelo macrodinâmico de Richard M. Goodwin, apresentado no clássico artigo “A Growth Cycle” (1967). Neste modelo a interação entre distribuição de renda e acumulação de capital gera um ciclo de crescimento que oscila em torno de uma trajetória de crescimento equilibrado. O objetivo do presente trabalho é investigar a possibilidade de existência de ciclos goodwinianos com heterogeneidade de salários e de taxas de lucro. Essa análise é realizada considerando o processo de concorrência entre trabalhadores num ambiente de racionalidade limitada. Para formalizar o processo de concorrência entre trabalhadores foram utilizados dois recursos: (i) a “alegoria das ilhas”, que tem sido amplamente adotada na macroeconomia moderna, a fim de apreender situações de informação imperfeita; e (ii) os instrumentos analíticos desenvolvidos pela teoria dos jogos evolucionários aplicada a ambientes sociais. O modelo construído combina o modelo de Goodwin com uma formalização estilizada do fluxo de trabalho como um processo de imitação num ambiente de racionalidade limitada (dinâmica de replicação num contexto social). Neste modelo demonstra-se a possibilidade de o sistema econômico não convergir para um estado de equilíbrio de longo prazo e a possibilidade do sistema econômico convergir para um ciclo goodwiniano caracterizado por heterogeneidade de salários e de taxas de lucro.

Palavras-chave: ciclos clássicos, jogo evolucionário, racionalidade limitada.


ABSTRACT

This paper starts from the macrodynamical model developed by Richard M. Goodwin, which was first shown in the seminal paper “A Growth Cycle” (Goodwin, 1967). In this model it was described an interaction between income-distribution and capital accumulation that generates a growth cycle swinging along a balanced growth path. The objective of this work is to investigate the possibility of existence of goodwinian cycles with heterogeneity in wage and in profit rates. This task is carried out considering the competitive process among workers within a context of bounded-rationality. The competitive process was modelled on the bases of two tools: (i) “islands´s allegory” which has been broadly adopted in the modern macroeconomics in order to apprehend situations of imperfect information; and (ii) the analytic instruments developed by the evolutionary game theory applied to the social environment. The model built combines Goodwin´s model with a stylized formalization of the workers flow as a process of imitation within a context of bounded-rationality (social-based replicator dynamics). In this model two results are demonstrated: the possibility of the economy not converge to a long run equilibrium and the possibility of the economy to present a goodwinian cycle with heterogeneity in wage and in profit rates.

Key words: growth cycle, evolutionary game, bounded rationality

JEL Classification
E32 


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

Referências Bibliográficas

Goodwin, R. M. A growth cycle. In: FEINSTEIN, C. H. (ed.), Socialism, capitalism and economic growth: Essays presented to Maurice Dobb. Cambridge: Cambridge University Press, 1967.         [ Links ]

Goodwin, R. M.; Krüger, M.; Vercelli, A. (eds.). Nonlinear models of fluctuating growth. Berlin: Springer-Verlag, 1984. (Lecture notes in economics and mathematical systems, n. 228).         [ Links ]

Guckenheimer, John; Holmes, Philip. Nonlinear oscillations, dynamical systems, and bifurcations of vector fields. 3. ed. New York: Springer-Verlag, 1990.         [ Links ]

Hofbauer, J.; Sigmund, K. Evolutionary games and population dynamics. Cambridge: Cambridge University Press, 1998.         [ Links ]

Sato, Yoshikazu. Marx-Goodwin Growth cycles in a two-sector economy. Zeitschrift für Nationalökonomie, v. 45, n. 1, p. 21-39, 1985.         [ Links ]

Samuelson, L. Evolution games and equilibrium selection. Cambridge: MIT Press, 1997.         [ Links ]

Silveira, Jaylson Jair da. Ciclos goodwinianos e o processo de concorrência num ambiente de racionalidade limitada: uma análise a partir da teoria dos jogos evolucionários. 2001. Tese (Doutorado) - Instituto de Pesquisas Econômicas, Universidade de São Paulo, São Paulo.         [ Links ]

Vega-Redondo, F. Evolution, games and economic behaviour. Oxford: Oxford University Press, 1996.         [ Links ]

Weibull, J. W. Evolutionary game theory. Cambridge: MIT Press, 1995.         [ Links ]

 

 

(Recebido em  maio de 2002. Aceito para publicação em julho de 2003).

 

 

Este artigo é uma versão concisa de um dos modelos desenvolvidos em minha tese (SILVEIRA, cap. 2 e 3, 2001). Agradeço os comentários feitos pelos professores Décio K. Kadota, Eleutério F. S. Prado, Jean-Luc S. Rosinger, João R. Sanson e Jorge E. C. Soromenho na ocasião da defesa da tese e ao professor Ronald Hillbrecht também a Aquino L. Espíndola por sua ajuda no desenho das figuras não geradas por simulação numérica. Naturalmente, os erros remanescentes são de minha exclusiva responsabilidade.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License