SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.3 issue1O sínodo dos bispos author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Lua Nova: Revista de Cultura e Política

Print version ISSN 0102-6445

Lua Nova vol.3 no.1 São Paulo June 1986

http://dx.doi.org/10.1590/S0102-64451986000200017 

CARTAS

 

 

"Para construirmos uma democracia participativa no Brasil é urgente e indispensável que se amplie o exercício do poder de votar. A Emenda Constitucional n.º 25, de maio de 1985, possibilitou que milhões de brasileiros, maiores de 18 anos, previamente excluídos do corpo eleitoral — os analfabetos — se tornassem eleitores ativos (isto é, passassem a poder votar, desde que se alistassem na forma da lei). Esta foi uma conquista democrática significativa mas ainda limitada, porque não permitiu às praças militares — soldados, cabos e marinheiros — tornarem-se eleitores, o que é uma discriminação odiosa.

"Infelizmente, não ocorreu um alistamento massivo de analfabetos para que participassem como eleitores nas eleições de novembro de 1985. Faltou iniciativa das autoridades públicas na divulgação de informações e empenho tanto das autoridades quanto dos cidadãos em incorporar esses brasileiros à cidadania. No entanto, é um dever de cidadania alistar-se como eleitor. E só o cidadão alistado tem o direito ao exercício do poder de voto. Cabe, portanto, a todos os brasileiros que desejam ampliar a participação popular na reorganização política do nosso país, engajarem-se imediatamente numa campanha de alistamento de brasileiros, maiores de dezoito anos, analfabetos. A cada cidadão, um voto." Cesar Caldeira, Rio de Janeiro — RJ.

Isso aí, Cesar. LUA NOVA concorda e apóia. Lembramos também que a divisa "A cada cidadão um voto" será útil na batalha pró-reforma da legislação eleitoral para se garantir a proporcionalidade de votos ao número de cidadãos por estado.

"LUA NOVA tem nos trazido energia. Nossa expectativa é que se torne grande, cheia. Por que não um encontro dos assinantes para opinião mais ampla? Porque não alguma matéria sobre nós, da área de Serviço Social?" Pedro Malheiros, São Paulo — SP.

Um encontro com os nossos assinantes é um velho sonho da equipe de LUA NOVA. Esperamos realizá-lo ainda este ano. Obrigados pela sugestão de pauta, ela certamente será aproveitada.