SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue1Is it possible to train an endovascular surgeon? author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular

Print version ISSN 0102-7638

Rev Bras Cir Cardiovasc vol.22 no.1 São José do Rio Preto Jan./Mar. 2007

http://dx.doi.org/10.1590/S0102-76382007000100001 

EDITORIAL

 

RBCCV rumo ao Medline

 

 

Domingo Braile*

 

 

Dou início a este Editorial compartilhando com os colegas da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) e demais leitores uma notícia auspiciosa. Depois de algumas tentativas, consegui marcar uma reunião com o Professor Dr. Sheldon Kotzin, Editor Executivo do Medline. O encontro está agendado para o próximo dia 4 de maio, nos Estados Unidos, e nele irei apresentar a Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular/Brazilian Journal of Cardiovascular Surgery (RBCCV/BJCVS) e insistir na importância de sermos indexados na mais importante base de dados internacional da área das ciências da saúde.

Como todos sabem, por duas vezes a RBCCV/BJCVS tentou ser aceita no Medline, a primeira na gestão do Prof. Dr. Fábio Jatene, no final da década de 90, e a segunda na minha, em 2005. As negativas nunca nos fizeram esmorecer, pelo contrário, tanto que continuamos a insistir, sempre contando com a colaboração de muitos colegas que se esforçaram para tornar realidade este sonho dos cirurgiões cardiovasculares brasileiros.

Acredito que este contato pessoal servirá para o Dr. Kotzin conhecer melhor a RBCCV/BJCVS e se tornar um aliado junto ao comitê do Medline que define as publicações a serem indexadas. A nossa revista já está presente em outras bases importantes, como o Scielo, Latindex, Adsaúde, Scopus e Index Copernicus, e solicitei nossa inclusão no DOAJ (Directory of Open Acess Journal) e aguardo uma resposta. Mas é inegável que a aceitação do Medline traria um upgrade fantástico, com maior inserção internacional e provável melhora no número de citações e do fator de impacto, com o conseqüente aumento no número de artigos.

Aliás, os artigos de cirurgia cardíaca, publicados por brasileiros, dentro ou fora do país, estão entre aqueles com maior fator de impacto, segundo estudo do Professor Rogério Meneghini, coordenador geral da Scielo, publicado nos "Anais da Academia Brasileira de Ciências", que aponta 25 núcleos de excelência no País.

Publicamos, neste volume, três Editoriais de extrema relevância. Na página III, O Dr. Eduardo Saadi discute a formação do cirurgião endovascular. O Prof. Dr. Milton Méier comenta, na página VI, o caso envolvendo a operação de dissecção aguda da aorta no Dr. Michael DeBakey, então com de 97 anos, e as implicações éticas de acatar o desejo do paciente (o Dr. DeBakey não queria ser operado) ou não. E o colega argentino Adolfo Saadia escreve linhas brilhantes sobre medicina e humanismo, na página V.

Mantendo a nossa tendência das últimas edições, temos dois artigos do Exterior. Na página 7, Koning et al., da Holanda, abordam com propriedade a mortalidade relacionada ao tratamento endovascular do aneurisma da aorta, e, na página 116, Torgovnick et al., dos Estados Unidos, relatam um caso de síndrome de hiperperfusão após endarterectomia de carótida.

Outro tema importante diz respeito aos revisores. Em fevereiro, houve uma intensa troca de e-mails entre membros da Wame (World Association of Medical Editors) sobre que medidas têm sido tomadas para incentivar o "peer-review" — fundamental para a credibilidade das revistas científicas. Alguns editores defendem a idéia de remunerar os revisores e muitas publicações já adotam essa prática, outros preferem fazer uma pontuação de acordo com a qualidade do trabalho de cada um. A RBCCV/BJCVS, como forma de valorizar este trabalho, inicia a partir deste volume a emissão de certificados para os revisores. Após os artigos de cada edição serem definidos, o certificado estará disponível no site, podendo ser impresso pelo revisor. Deste constarão: o nome do revisor e o número de artigos revisados por ele na edição. Embora distante do ideal, é uma forma de valorizar o árduo trabalho dos nossos colaboradores anônimos. As páginas da RBCCV/BJCVS estão à disposição para artigos e cartas sobre este assunto que certamente, gera controvérsias.

Volto a insistir que revisores e autores cumpram estritamente os prazos para avaliação e correção dos manuscritos. Como informamos na edição anterior, o sistema vai apagar automaticamente os trabalhos revisados e encaminhados aos autores, cuja nova versão não for devolvida em até 12 semanas. Mais uma vez, conto com a compreensão e colaboração de todos.

Lembro que a RBCCV continua a enviar cópias em PDF do texto completo de artigos publicados nas principais revistas internacionais da área de cirurgia cardiovascular e torácica. Este serviço, criado em agosto do ano passado, tem se revelado um sucesso. Desde agosto já foram enviados mais de 300 artigos! Também estamos disponibilizando, àqueles que tiverem interesse, a íntegra dos artigos indicados no Boletim Científico, distribuído mensalmente pela SBCCV. Os pedidos podem ser feitos pelo e-mail brandau@braile.com.br.

De 12 a 14 de abril, a SBCCV realiza no Costão do Santinho, em Florianópolis, SC, seu 34º Congresso. Será mais uma oportunidade de congraçamento entre a SBCCV, seus Departamentos, Profissionais de Áreas Afins, Residentes e Estudantes, além da tradicional troca de conhecimento por meio de palestras, cursos e debates. Convido todos a participar. A RBCCV/BJCVS estará presente ao evento, com sua equipe à disposição de todos para esclarecer dúvidas sobre a Revista, o andamento dos trabalhos e para ajudar no indispensável cadastramento dos membros da SBCCV no nosso site: www.rbccv.org.br.

O site, aliás, revela-se um sucesso a cada dia maior. Relatório sobre os acessos ao site, feitos pela Genesis Network, empresa responsável pela manutenção, com dados compilados a partir de 2006, comprovam isso. São em média 1.100 acessos diariamente. Estes números impressionam e a intenção é que possam crescer ainda mais ao longo deste ano.

Finalizando, comunico que a verba do CNPq referente ao Auxílio Editorial pedido em 2006 foi depositada no final de fevereiro. Apesar do baixo valor (R$ 9.500,00), esta quantia será importante para o pagamento de despesas relativas ao site e a produção da versão impressa da RBCCV. Representa o reconhecimento dos órgãos governamentais ao trabalho de divulgação cientifica que realizamos não só no Brasil, assim como internacionalmente.

Damos boas-vindas à Edwards, que volta a anunciar na nossa revista.

Espero encontrar todos em Florianópolis.

 

Recebam meu abraço,

* Editor
RBCCV/BJCVS