SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número3O conhecimento e a construção do novo cosmos socialA linguagem de especialidade e o texto técnico-científico: notas conceituais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Transinformação

versão impressa ISSN 0103-3786

Transinformação vol.16 no.3 Campinas set./dez. 2004

http://dx.doi.org/10.1590/S0103-37862004000300003 

ARTIGOS/ARTICLES

 

Linguagem documentária e terminologia1

 

Documentary language and terminology

 

 

Marilda Lopes Ginez de LaraI

IDocente, Departamento de Biblioteconomia e Documentação, Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo. Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443, 05508-900, São Paulo, SP, Brasil E-mail: <larama@usp.br>

 

 


RESUMO

A linguagem documentária deve ser formulada rigorosamente para se constituir em sistema de organização e de comunicação da informação, qualquer que seja seu universo (bases bibliográficas, sites na WEB, conteúdos de manuais técnicos). O uso da terminologia teórica e da terminologia concreta contribui à consecução desses objetivos, à medida que fornece princípios para a identificação dos domínios, delimitação de conceitos e termos, estabelecimento de relações entre conceitos apoiadas em definições, além de prover referência concreta aos descritores. Visando melhor compreensão dos conceitos terminológicos, exploramos as normas terminológicas ISO 704:2000 e ISO 1087-1:2000, no que tange aos conceitos e à modelagem de sistemas de conceitos, destacando que a importância da Terminologia (teórica e metodológica) para a construção da linguagem documentária, transcende o uso normalizado dos termos: a apropriação de procedimentos e de conceitos terminológicos pela Ciência da Informação (e pela Lingüística Documentária) se relaciona à especificidade de seu objeto e objetivos. A utilização da terminologia, ao lado de contribuições de outras áreas, vai ao encalço da constituição de unidades de informação.

Palavras-chave: linguagem documentária, organização da informação, terminologia, normas terminológicas, lingüística.


ABSTRACT

Documentary language must be built rigorously to constitute itself as information organizing and information communication system, in any area of its utilization (bibliographic bases, web sites or technical manuals' contents). Theoretic and concrete terminologies contribute to such objectives, as they provide principles to identify subject fields (domains), to delimit concepts and terms, and to establish concept relations supported by definitions, besides providing concrete references to descriptors. In order to make the comprehension of terminoloical concepts more accessible, we explore the terminological standards ISO 704:2000 and ISO 1087-1:2000, related to concepts and the modeling of concept systems. We emphasize the importance of Terminology to documentary languages construction, as it transcends the normalized use of terms: the appropriation of terminological procedures and concepts by the Information Science (and the Documental Linguistics) is closely related to its object specificity and objectives, since terminology usage, side by side with contributions from other domains, pursues the constitution of information units.

Keywords: documentary language, information organization, terminology, terminological standards, Linguistics.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text avaliable only in PDF.

 

 

REFERÊNCIAS

AUSTIN, D.; DALE, P. Diretrizes para o estabe-lecimento e desenvolvimento de tesauros monolíngües. Brasília: Ibict, 1993.         [ Links ]

CABRÉ, M.T. Terminología e documentación. In: CABRÉ, M.T. La terminología: representación y comunicación. Barcelona: Institut Universitari de Lingüística Aplicada, Universitat Pompeu Fabra, 1999.         [ Links ]

DESMET, I. Questões de semântica em terminolo-gia: a problemática da definição terminológica. Terminologias, n.2, p.4-21, 1990.         [ Links ]

DASCAL, M. Les sémiologies contemporaines. In: DASCAL, M. La sémiologie de Liebniz. Paris: Aubier Montaigne. cap.2. 1978.         [ Links ]

ISO 1087-1 (E/F). Terminology work - Vocabulary, Part 1: theory and application / Travaux terminologiques - Vocabulaire - Partie 1: théorie et application. Genève: International Standard Organization, 2000.         [ Links ]

ISO 704. Terminology work - principles and methods. 2.ed. Genève: International Standard Organization, 1987.         [ Links ]

ISO 704. Terminology work - principles and methods. 2.ed. Genève: International Standard Organization, 2000.         [ Links ]

ISO-2788/BS5723. Guidelines to the establishment and development of monolingual thesauri. Genève: International Standard Organization; 1986/1987.

LARA, M.L.G. Representação e linguagens documentárias: bases teórico-metodológicas. 1999. 280. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação) _ Escola de Comunicação e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo.         [ Links ]

LE GUERN, M. Sur les relations entre terminologie et lexique. Meta, v.34, n.3, p.340-343, 1989.         [ Links ]

MOREIRO GONZÁLEZ, J.A. El contenido de los documentos textuales: su análisis y representación mediante lenguage natural. Gijón: Ediciones Trea, 2004.         [ Links ]

ROSENFELD, L.; MORVILLE, P. Information Architecture for the World Wide Web. 2.ed. Beijing: O'Reilly. 2002.         [ Links ]

SAGER, J.C. Prólogo: la terminologia, ponte entre varios mundos. In: CABRÉ, M.T. La terminologia: teoría, metodología, aplicaciones. Barcelona: Antártida; p.11-17, 1993.         [ Links ]

SAGER, J.C. A practical course in terminology processing. Amsterdam: John Benjamins, 1990.         [ Links ]

TÁLAMO, M.F.G.M. Linguagem documentária. São Paulo: APB, 1997. (Ensaios APB, n.45).         [ Links ]

 

 

Recebido em 8/7/2003
Aceito em 28/6/2004

 

1 Apoio do CNPq, através de bolsa de Produtividade em Pesquisa, Processo Número 304635/003-0.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons